Meio Ambiente

Comissão debaterá situação das cooperativas de catadores de recicláveis

 A Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara dos Deputados promove audiência pública na quinta-feira (19) para debater a situação das cooperativas e dos catadores de material reciclável. O o evento foi solicitado pelo deputado Carlos Gomes (PRB-RS).

O deputado Carlos Gomes argumenta que a catação de resíduos com destinação à reciclagem é uma atividade essencial. “É o único meio de garantir renda e sustento para mais de 1,4 milhão de trabalhadores do setor no Brasil”, destaca.

De acordo com a pesquisa divulgada em 2012 pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), no Brasil são coletadas diariamente 183,5 mil toneladas de resíduos domiciliares. “Isso representa 98% do lixo das moradias urbanas, mas apenas 33% das moradias rurais”, explica

Convidados
Foram convidados para o debate:

  • o gerente de Resíduos Sólidos da Secretaria de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano do Ministério do Meio Ambiente, Eduardo Rocha Santos;
  • o secretário Nacional de Economia Solidária, Paul Singer – representando o ministro do Trabalho e Previdência Social, Miguel Rossetto;
  • o presidente da Central de Cooperativas de Catadores de Materiais Recicláveis do Distrito Federal (Centcoop-DF) e representante do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR) no Distrito Federal, Ronei Silva;
  • o representante da Associação dos Catadores de Papel, Papelão e Material Reaproveitável (Asmare) – Alfredo de Sousa Matos; e
  • um representante da Secretaria Geral da Presidência da República

A audiência pública ocorrerá no plenário 8, a partir das 10h.

Da Redação – AR
Vagner Liberato

Sobre o autor | Website

Meu nome é Vagner Liberato, sou carioca e vivo no Rio de Janeiro. Formei-me em Administração de Empresas e sou um apaixonado por conteúdo sustentável. Desde 2015 faço o Meio Ambiente Rio com maior prazer! Para falar comigo, entre em contato pelo email: contato@meioambienterio.com

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.