Meio Ambiente

Empresas moveleiras do Oeste marcam presença em feiras de negócios

O empresário e diretor do Sindicato da Indústria Madeireira e Moveleira do Vale do Uruguai (SIMOVALE) e Associação dos Moveleiros do Oeste de Santa Catarina (AMOESC), Nivaldo Lazaron Junior, participou recentemente da 21ª Abimad – Feira Brasileira de Móveis e Acessórios de Alta Decoração, realizada recentemente em São Paulo, capital.

A participação no evento incluiu o lançamento de vários modelos de estofados e móveis Enele, que segundo Lazaron, deram a oportunidade de reforçar a evolução que acontece há algum tempo. Ressalta que o reconhecimento no mercado vêm se fortalecendo devido aos investimentos em novas tecnologias e estrutura diferenciada e inovadora que a empresa apresenta.

“Em 2015 importamos da Europa dois equipamentos de controle computadorizado para costuras exclusivas e diferenciadas. Como resultado, preparamos uma coleção com uso destas tecnologias e apresentamos na Abimad os modelos Oliver, Clement, Bardot, Movie, Dot, entre outros que havíamos apresentado no segundo semestre do último ano”.

O diretor explica ainda que a participação no evento reforçou a posição de mercado de modelos consagrados, como é o caso dos móveis Home Grant e novidades para a linha Space – lançada na Abimad de 2015 – que é uma linha com nichos, painéis e racks que o cliente monta de acordo com seu projeto, adaptável a qualquer ambiente e que devido ao sucesso vem sendo implementada periodicamente. “Para o próximo ano, vamos continuar investindo em nosso relacionamento com os clientes e oferecendo sempre um produto inovador e competitivo para manter nosso espaço no mercado. Apesar do cenário político lastimável, acredito que com foco e determinação teremos um 2016 para comemorar ao final”, afirma Lazaron.

Sobre a participação na 21ª ABIMAD, o diretor relata que “diante do quadro econômico nacional e a crise de confiança gerada pelo tamanho da corrupção que agora sabemos existir em todos os poderes em nosso país, havia certa ansiedade pelo que aconteceria na feira”. Segundo ele, os visitantes do evento estavam cientes da situação e preparados para enfrentá-la. “Basicamente os clientes sólidos, organizados e planejados estiveram no evento e, com isso, conseguimos atender aos seus anseios de busca de produtos diferenciados em condições de lhes oferecer soluções em seus mercados, em todos os estados do Brasil. Como tínhamos muitas novidades em produtos, acabamentos, materiais e condições comerciais, acreditamos termos nos destacado no evento”, explica.

Também neste mês, o presidente da Amoesc e Simovale, Osni Verona, participou da 6ª ABUP Móvel. “Participar deste evento foi de fundamental importância devido ao cenário econômico que estamos passando no Brasil – o que fez com que a maioria dos fabricantes deixasse de participar de feiras e eventos para cortar gastos. Sabendo disso, enfrentamos esse desafio e comparecemos com produtos inovadores para clientes de longa data e resgate de clientes antigos, que perdemos por não participar há mais de seis anos de feira. Por isso, acredito na necessidade do fortalecimento e defendo no potencial dos eventos de negócio do setor de madeira e móveis, pois é através deles que conseguimos expandir a visibilidade das nossas empresas”, afirma.

A Verona Móveis apresentou novas salas de jantar, poltronas e sofás modernos com mesas auxiliares para compor os ambientes. Peças com preços competitivos e de alto padrão e design como aposta na sofisticação dos ambientes. Para 2016, a meta é monitorar e melhorar a logística interna da empresa, investindo na gestão humana e infraestrutura interna, utilizar da área de tecnologia da informação para gerar indicadores de desempenho em tempo real e mudar a trajetória, sem medo das mudanças, para diminuir os custos de fabricação unitária.

CRISE

Lazaron explica que o ano de 2015 foi atípico e muitos “incêndios” tiveram de ser apagados, o que tirou um pouco o foco e planejamento nas indústrias, mas afirma que agora todos estão cientes da atual situação. “Temos que continuar investindo para conseguirmos ter destaque no mercado, que está cada vez mais competitivo. Na Enele, nossa aposta é o lançamento de produtos com novidades tecnológicas e de design, a fim de gerar expectativa e confiança aos nossos clientes lojistas, que buscam excelência em qualidade de produtos e também nos serviços pós-venda”, comenta.

Verona defende que não se deve deixar a mente ser ocupada pelo pessimismo da crise, mas sim, usá-la como vetor de criatividade. “Devemos buscar novos mercados e pulverizar a venda, isso evita calotes e inadimplência. Também precisamos entender o foco do cliente e surpreendê-lo com produtos inovadores alternativos – como, por exemplo, uma matéria prima diferente, sempre com ênfase na elegância, estética, segurança e garantia com a funcionalidade multifuncional de acordo com a proposta do produto”.

“A corrupção e as mentiras que tomam conta do nosso País nos apresenta um cenário lamentável, pois temos um povo trabalhador que é quem mais sofre por conta de tantos desmandos, incompetência e corrupção desenfreada, principalmente na esfera Federal – no Poder Executivo e Congresso Nacional. Se não tivéssemos esta ‘variável externa ao negócio’ a considerar na hora de planejar nossas empresas, com certeza o mercado atual seria maior e a qualidade de vida da população mais favorável”, desabafa Lazaron.

MERCOMÓVEIS

A Mercomóveis tem data garantida na agenda de eventos de Chapecó em 2017. De 14 a 18 de agosto de 2017, investidores nacionais e internacionais e expositores de toda a região oeste estarão reunidos no Parque de Exposições Tancredo Neves, em Chapecó, para o evento, reconhecido como uma das mais influentes no segmento moveleiro de Santa Catarina e do Brasil. Com o slogan “Superando expectativas”, a Mercomóveis ocorrerá com objetivo de mostrar a capacidade de superação no que se refere ao volume de negócios, fechados e prospectados, e visitantes qualificados. A décima edição da feira é presidida pelo empresário José Derli Cerveira, que participa desde a primeira edição do evento e está engajado para que, em 2017, o sucesso da Mercomóveis se repita.

Para o empresário Nivaldo Lazaron Junior, a Mercomóveis é uma das grandes iniciativas do polo de abrangência da Amoesc e do Simovale. “Graças a união sindical e engajamento dos empresários da região, hoje, nossa região é conhecida como polo moveleiro de qualidade e confiabilidade por lojistas e consumidores de todo o Brasil. Nosso empresário é sério e persistente, e podemos dizer também muito trabalhador. E isto é um grande diferencial competitivo da nossa região oeste de Santa Catarina”, enfatiza.

Tags
Ler matéria completa

Vagner Liberato

Meu nome é Vagner Liberato, sou carioca e vivo no Rio de Janeiro. Formei-me em Administração de Empresas e sou um apaixonado por conteúdo sustentável. Desde 2015 faço o Jornal Sustentabilidade com maior prazer! Para falar comigo, entre em contato pelo email: contato@meioambienterio.com

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close