Meio Ambiente

Minifábricas de castanha-de-caju: mais qualidade e renda no campo

O Dia de Campo na TV vai apresentar a organização de produtores nas pequenas fábricas de castanha de caju, as fases do processamento do fruto, e como os agricultores puderam ter acesso ao mercado antes restrito às grandes indústrias de beneficiamento.

As unidades de processamento da castanha de caju, denominadas minifábricas, obtêm amêndoas inteiras e com melhor qualidade. A exigência por qualidade começa no campo e se estende por todo o processo produtivo. A implantação do sistema de minifábricas compõe uma estrutura que pode ser adaptada ao tamanho e à capacidade de cada unidade.

A minifábrica incentiva a produção de castanha por meio de associações e cooperativas, gerando empregos para as comunidades nas etapas de plantio, tratos culturais, colheita, processamento da castanha e na comercialização dos produtos obtidos no seu processamento. Um caso de sucesso, nesse sentido, é o dos agricultores que fazem parte da Central de Cooperativas de Cajucultores do Piauí, a Cocajupi. Para chegar ao resultado vantajoso, foi preciso organização e acesso à tecnologia tanto no campo quanto na agroindústria. Como resultado, os agricultores puderam ter acesso ao mercado internacional por meio do comércio justo. Além do processamento da castanha de caju, as minifábricas associadas atuam na fabricação de polpa e de cajuína. Essa estratégia permite o funcionamento das unidades produtivas durante todo o ano. A implementação da tecnologia e a organização social dos agricultores foram resultados do esforço conjunto de diversas instituições, como a Fundação Banco do Brasil, o Sebrae e a Embrapa.

O Dia de Campo na TV “Minifábricas de caju – mais qualidade e renda no campo” foi produzido pela Embrapa Informação Tecnológica (Brasília/DF) em parceria com a Embrapa Agroindústria Tropical (Fortaleza/CE), Unidades da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Além do tema principal o programa aborda outros assuntos nos quadros – Agência Embrapa de Notícias, Sempre em Dia; Repórter em Campo; Na Mesa; Quem quer ser cientista; Minuto do Livro e Ciência e Tecnologia em Debate.

Ricardo Moura (DRT 1681 JP/CE)
Embrapa Agroindústria Tropical
agroindustria-tropical@imprensa.embrapa.br
Telefone: (85) 3391-7117

Sobre o autor | Website

Meu nome é Vagner Liberato, sou carioca e vivo no Rio de Janeiro. Formei-me em Administração de Empresas e sou um apaixonado por conteúdo sustentável. Desde 2015 faço o Meio Ambiente Rio com maior prazer! Para falar comigo, entre em contato pelo email: contato@meioambienterio.com

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.