in ,

Gisele Bündchen classifica decreto de Temer sobre a Amazônia de vergonhoso

Gisele Bündchen
Gisele Bündchen Foto: (Arquivo ) – United Nations Development Programme
Avaliar postagem!

A modelo Gisele Bündchen, que nos últimos anos vem defendendo as questões ambientais, novamente voltou a pressionar o governo Temer sobre um decreto “impopular” que acaba com a Reserva Nacional de Cobre e Associadas (Renca), uma extensão que equivale o tamanho do Estado dos Espírito Santo, localizado entre o Pará e o Amapá, e que havia em 1984 sido instituída.

Vergonha! Estão leiloando nossa Amazônia! Não podemos destruir nossas áreas protegidas em prol de interesses privados”, disse Gisele em uma rede social.

Em seguida, Gisele publicou um texto em que convoca todos os brasileiros a “dizerem não ao abrandamento da proteção da Amazônia, seja por decreto, medida provisória, projeto de lei ou o que for.”

Redação

Guiga Liberato

Meu nome é Guiga Liberato, sou carioca e vivo no Rio de Janeiro.
Formei-me em Administração de Empresas e sou um apaixonado por conteúdo sustentável.
Desde 2015 faço o Meio Ambiente Rio com maior prazer!

Para falar comigo, entre em contato pelo email:
contato@meioambienterio.com