Destaques

Governo libera recursos para investir no meio ambiente

O Ministério do Meio Ambiente fará investimentos no Meio Ambiente e entre eles podemos citar que o Fundo Nacional de Meio Ambiente (FNMA) que contratará projetos para a recuperação de nascentes em áreas de preservação permanentes, que se encontra em situação de restrição de abastecimento e investimentos para o cerrado.

Os investimentos

Serão R$ 23,5 milhões em investimentos que irão ampliar a oferta de água em regiões metropolitanas, com uma população maior que 1 milhão de habitantes que se encontram em condições de redução de abastecimento de água e para o cerrado serão US$ 32,48 milhões.

Além da Liberação da Verba, a população também poderá se beneficiar do abono que será pago em 2018 para quem ganha menos de 02 salários mínimos, para saber o valor basta consultar o pis online e ver se terá benefícios para esse ano.

O objetivo dessa recuperação dessas nascentes

A recuperação de nascentes contribui fortemente para um aumento na oferta de água e consequentemente para a melhoria na qualidade de vida para essas populações, salientado pelo Ministro do Meio Ambiente José Sarney Filho.

Os estados que apresentaram esses projetos para as nascentes

Desse total de projetos, cinco foram apresentados pelas instituições públicas dos estados da Bahia, São Paulo, Distrito Federal e Minas Gerais, o restante dessas propostas, foram apresentados por, algumas organizações da sociedade civil, que estão localizadas em Rio Grande do Norte, Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul.

As nascentes e o seu registro no CAR

O CAR é o Cadastro Ambiental Rural, que é um registro público, onde os proprietários e seus possuidores declaram todo o perímetro de seus imóveis rurais. Ele indica que o nosso país possui cerca de 1,5 milhões de nascentes, sejam em propriedades privadas ou posses rurais e segundo esse levantamento desse órgão, os estados de Minas Gerais, São Paulo e Paraná acolhem cerca de quase 50% dessas nascentes juntas.

O comprometimento do Brasil

Além de contribuir para a produção de água, todos esses projetos também irão colaborar para a agenda Clima, onde o Brasil se compromete na restauração de 12 milhões de hectares até o ano de 2030 e todos também contribuíram para se alcançar essa meta.

O projeto de investimentos para o cerrado

Serão destinados US$ 32, 48 milhões que garantirão investimentos no cerrado, para a recuperação de reservas legais e áreas de preservação permanente em propriedades rurais familiares. Para combate ao desmatamento e também promover a regularização de imóveis rurais, o desenvolvimento sustentável e a agricultura, que são essenciais para a nossa economia.

Esse último projeto será aplicado em regiões com maior produtividade agrícola em nosso país, afirmou o ministro do meio ambiente. Portanto, esses foram os maiores investimentos que o Governo Federal atribuiu ao Meio Ambiente.

 

Tags
Ler matéria completa

Francisco Costa

Francisco Costa é um apaixonado pela educação! Atuou como professor, coordenador e diretor na rede de ensino pública e privada. Conhecedor de química, biologia, ciências físicas e biológicas além de ser também artista plástico.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close