EntretenimentoLançamentos Netflix

Bleach Netflix: Crítica sem Spoilers

Novo original Netflix Bleach inspirado em mangá japonês conta uma história divertida sobre herois e monstros

Bleach é mais uma adaptação live-action de um anime a estrear na Netflix. Originalmente, Bleach é um mangá escrito e desenhado por Tite Kubo. O autor assistiu ao filme antes de estrear na Netflix e aprovou a produção. De fato, Bleach é um filme que vai agradar tanto as pessoas que já conhecem o mangá quanto aquelas pessoas que nunca ouviram falar nele mas gostam de curtir uma boa aventura.

Logo no início do filme, somos apresentados a uma atmosfera sombria. Ichigo, o protagonista do filme, e sua mãe caminham próximos a uma trilha de trem. Vale ressaltar que nessa primeira cena o personagem está com um figurino muito parecido com o do personagem George no filme It A Coisa. O guarda-chuva ajuda a nossa memória a lembrar da adaptação cinematográfica mais recente do livro de Stephen King.

O dia está chuvoso e Ichigo avista uma garota perto do lago. Ele avisa a sua mãe sobre a garota e corre na direção dela. Ao se aproximar, Ichigo descobre que estava prestes a viver a maior tragédia de sua vida. De uma forma misteriosa, a mãe de Ichigo morre e temos aqui a introdução do filme.

Embora a morte da mãe de Ichigo tenha pouca carga emocional no início do filme, a cena é bem montada e nos faz esperar por algo mais sombrio, o que só vem a acontecer nos quarenta minutos finais do filme.

Personagem Ichigo em Bleach Netflix

Logo mais, descobrimos que Ichigo tem o dom de ver fantasmas. Rukia, a outra protagonista do filme, é um deles. Ela aparece no quarto de Ichigo para enfrentar um monstro Hollow. Na cena seguinte, vemos que o monstro quer a alma de Ichigo. Por conta disso, ele invade a casa dele e sequestra a sua irmã Iuku.

Para salvar o garoto que acaba de conhecer, Rukia transfere os seus poderes para Ichigo. É nesse momento que ele se torna um Ceifador de Almas e salva não só Rukia mas também Iuku, sua irmã que havia sido capturada pelo monstro momentos antes. A sequência é um tanto fraca em efeitos visuais, mas cumpre de forma eficiente a função de nos introduzir no universo de Bleach.

Porém, Bleach vai muito além das lutas com os monstros Hollow. O filme também encontra espaço para desenvolver, ainda que de forma mais discreta, um núcleo adolescente no colégio que envolve alguns amigos de Ichigo e outros nem tão amigos assim. E como já era esperado, há uma garota apaixonada por ele na escola que logo começa a competir atenção com Rukia, que passa a estudar lá para ficar perto de Ichigo.

A aproximação de Rukia não é em vão. Ao transferir os seus poderes para Ichigo, ela ficou sem as suas habilidades sobre-humanas.

Para Rukia ter os seus poderes de volta, Ichigo precisa se tornar um ceifador mais forte até que seja possível devolver os dons da garota. Para isso, Rukia precisa treinar Ichigo para que ele aumente a sua força e, assim, ela tenha de volta os seus poderes. O detalhe é que Rukia precisa dos seus poderes de volta antes da próxima Lua Cheia. Ao menos, é esse o prazo que o seu irmão lhe dá para que ela volte a ser uma Ceifadora.

A pressão do irmão de Rukia sobre ela aumenta quando ele percebe que ela está gostando de Ichigo mais do que deveria, pois há uma regra moral entre ceifadores de que eles não podem se envolver emocionalmente com os humanos.

Bleach é uma ótima aventura para quem gosta de lutas com espadas e monstros. É esse tipo de filme que você gosta? Então, o Original Netflix Bleach é o título que você precisa assistir nesse fim de semana!

Bleach | Original Netflix

 

Sinopse: O jovem Ichigo ganha super poderes e se transforma em um poderoso Ceifador de Almas. Mas Rukia, a garota que salvou a sua vida, quer os seus poderes de volta. Para fazer isso, Ichigo precisa se tornar um ceifador mais forte e derrotar um grande monstro. Será que ele vai conseguir?

Duração: 110 minutos

Classificação Etária: 12 anos

Gênero: Aventura

Esse filme tem: Monstros, Lutas com Espadas, Adolescentes, Triângulo Amoroso

Raigor Ferreira

Olá! Eu sou o Raigor. Sou escritor de livros infanto-juvenis desde 2014 e redator nas horas ocupadas. Autêntico canceriano e apaixonado pela escrita desde que aprendi a ler com quatro anos, escrevo sobre celebridades, séries e filmes aqui no Meio Ambiente Rio. Eu amo esse universo e se quiser entrar em contato comigo, escreva pararaigorbooks@gmail.com

Tags
Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close