trabalhadores na obra com epi

Você se sente frustrado por ainda não ter alcançado a tão sonhada estabilidade profissional?  A boa notícia é que o mercado de trabalho no Brasil está voltando a se aquecer e criar oportunidades. Mas é preciso estar qualificado para conseguir boas oportunidades. Você sabe quais são os cursos técnicos que mais empregam no Brasil?

Continue a leitura e você vai poder escolher entre os 5 cursos técnicos com maior taxa de empregabilidade no Brasil. 

Por que fazer um curso técnico?

O curso técnico é uma modalidade de formação profissional que proporciona uma possibilidade de rápida inserção no mercado

Com um formato mais curto, tendo até 2 anos de duração, ele foca em uma qualificação específica, que geralmente é compatível com alguma demanda do mercado. 

Dessa forma, ele acaba sendo um caminho mais curto que uma graduação tradicional. 

Os cursos técnicos também possuem mensalidades mais acessíveis que um curso superior. O que é uma ótima oportunidade para quem está em transição de carreira ou que tenha várias demandas financeiras. 

Profissionais com formação técnica têm em média um aumento de 18% na renda mensal em relação a pessoas com o mesmo contexto socioeconômico. 

Os dados são de uma pesquisa encomendada pelo Senai, baseada em dados do IBGE. Nas regiões Norte e Centro-Oeste, o aumento pode chegar a 21,4%.

 Fica evidente que o curso técnico é uma opção interessante para quem deseja uma valorização salarial no mercado. 

Cursos técnicos que mais empregam no Brasil  

No Brasil, o mercado de trabalho já está cheio de profissionais com curso superior. Mas algumas áreas técnicas ainda apresentam carência de mão de obra especializada.

 Existe uma demanda de profissionais com habilidades técnicas específicas. A última pesquisa do Mapa do Trabalho Industrial identificou áreas que vão precisar de mais profissionais com formação técnica no Brasil. São elas: 

  • Construção;
  • Logística;
  • Energia e telecomunicações;
  • Informática e tecnologia;
  • Metalmecânica e eletroeletrônica.

Se você busca um caminho mais rápido para o mercado de trabalho, ou uma oportunidade de valorização salarial, fique atento aos 5 cursos técnicos que mais geram empregos no Brasil. 

  1. Técnico em Segurança do Trabalho

O técnico em Segurança do Trabalho é responsável por criar e fiscalizar medidas e projetos de prevenção ao risco de acidente no ambiente de trabalho. 

A demanda por segurança do trabalho é grande no Brasil. Só em 2021, o país registrou 2,5 mil óbitos e 571,8 mil Comunicações de Acidente de Trabalho, segundo o Observatório de Saúde e Segurança do Trabalho. 

A demanda por profissionais qualificados na área de Segurança do Trabalho cresceu à medida que a legislação do país foi ficando mais robusta. Hoje o Ministério do Trabalho tem 37 Normas que regulamentam diversos segmentos econômicos, com o objetivo de promover a segurança do trabalhador. 

Cada vez mais as empresas precisam de orientação técnica para não sofrer penalidades e embargos. Além disso, as Normas garantem a segurança dos trabalhadores, diminuindo significativamente o índice de acidentes. 

A área de atuação de um profissional de Segurança do Trabalho pode ser ampla. Desde empresas públicas e privadas, órgãos públicos e instituições que tenham empregados regidos pela CLT. 

Além disso, ele pode trabalhar como autônomo, prestando serviços a empresas. Atualmente existe uma demanda de profissionais de Segurança do Trabalho para a área de educação e formação. 

A maioria das Normas Regulamentadoras exige treinamento teórico e prático. A NR10, por exemplo, exige que todo trabalhador que atua em instalações elétricas e serviços com eletricidade tenha treinamento prévio antes de qualquer atividade. Dessa forma, a necessidade de profissionais atuando como professores é grande.  

  1.  Técnico Desenvolvedor Mobile 

O técnico desenvolvedor mobile é o profissional responsável por criar, testar e implementar aplicativos para dispositivos móveis.  É uma área que pertence à Tecnologia da Informação, e tem uma estimativa de crescimento imensa no país. 

Não é mais segredo que os aplicativos tomaram conta da nossa rotina. Para chamar um transporte, fazer compras de mercado, conhecer pessoas, comprar remédios, perder peso. 

Existe aplicativo para tudo! E precisamos reconhecer que eles facilitaram demais nossa vida. Não é atoa que os brasileiros ocupam o primeiro lugar quando o assunto é app para o dia a dia. 

A área tecnológica tem crescido muito devido a chegada da internet 5G, aumentando a demanda por desenvolvedores mobile. 

Além da remuneração promissora, que pode chegar até 5 mil reais, é uma profissão que tem ampla aceitação do trabalho home office.

  1. Técnico em eletrotécnica

O profissional técnico em eletrotécnica trabalha na instalação, desenvolvimento e manutenção de sistemas eletroeletrônicos. No curso você vai aprender a projetar, instalar, e operar sistemas elétricos e equipamentos diversos. 

Com o avanço rápido das tecnologias nos últimos anos, em conjunto com a popularização da internet, essa também é uma área promissora. Além da alta demanda que já existe, provavelmente é uma carreira promissora para alguns bons anos. 

A área também oferece uma ampla atuação: construtoras civis, indústrias metalúrgicas, montadoras de automóveis, empresas de saneamento básico e hidrelétricas, entre outros. 

No Brasil, uma das áreas que mais apresenta crescimento é a hidrelétrica, sem dúvidas essa é uma especialização que possui alta demanda de mercado.

  1. Técnico em edificações 

Se você gosta da área de construção civil esse é o curso ideal para você. Junto com o Engenheiro, esse profissional é responsável por desenvolver orçamentos, organizar a manutenção de obras e coordenar projetos de edificações. 

O setor de construção civil foi destaque nos dados do PIB de 2021, de acordo com o IBGE. Com um aumento de 9,7%, o desempenho do setor foi o melhor desde 2010, o que pode dar uma boa perspectiva para o profissional que atua na área. 

O profissional de edificações pode atuar tanto em empresas privadas quanto em órgãos públicos. Do escritório ao canteiro de obras, ele ainda pode trabalhar em indústrias de materiais de construção, ou em empresas de reforma. 

  1. Técnico em telecomunicações

O profissional técnico em telecomunicações realiza manutenção e instalação de sistemas de telecomunicações e também de comunicação à distância. Além disso, podem elaborar projetos para redes internas e externas e também dando consultoria técnica. 

A área de atuação é ampla no Brasil. De empresas de telefonia fixa, móvel, radiodifusão, segurança de redes, até indústrias de telecomunicações e prestadoras de serviço. 

O segmento de telecomunicações vive um momento próspero no país. Com a chegada da tecnologia 5G, o mercado cresceu 20% de 2019 a 2020, de acordo com a Febraban. A pandemia também contribui para o aumento dos serviços durante o isolamento social. 

Para os próximos anos, as empresas do setor têm o desafio de dar toda infraestrutura necessária para acompanhar o avanço da internet móvel. Dessa forma, a demanda por profissionais qualificados também vai ser grande. 

E você? Já sabe qual curso escolher?