Meio Ambiente

Prefeitura firma parceria com a Google para mapear ciclovias da cidade

A Prefeitura do Rio e a Google realizaram, na manhã desta quinta-feira (2/07), uma pedalada na Enseada de Botafogo para formalizar o lançamento no Brasil da função “Ciclismo” no Google Maps. O maior mapa digital do mundo é também o mais popular, sendo acessado por mais de um bilhão de pessoas por mês. O evento marcou a inauguração do novo traçado da ciclovia Mané Garrincha, que agora passa perto do mar e oferece aos ciclistas um novo ponto de contemplação da Baía de Guanabara. Com a maior rede cicloviária da América Latina, o Rio de Janeiro ampliou nos últimos quatro anos sua malha cicloviária de 150 km para os atuais 380 km. A meta é que, até o final do próximo ano, a cidade alcance 450 km de ciclovias, distribuídas em todas as regiões do Rio.
– Trata-se do reconhecimento internacional de uma das maiores empresas do mundo dos esforços que a cidade está fazendo para transformar a sua mobilidade. Não só através da bicicleta como de outros meios de transportes sustentáveis, como o VLT e os BRTs. Nossa malha cicloviária aumenta mais a cada dia e temos nos esforçado muito para fazer melhorias em seu traçado, o que é bom para o cidadão e para o turismo da cidade – afirmou o subsecretário municipal de Meio Ambiente, Altamirando Moraes.

 

Desde a semana passada, a bicicleta aparece ao lado do pedestre, do carro e do transporte público entre as opções de deslocamento de um ponto a outro do Google Maps. Todas as possibilidades de caminho são apresentadas, acompanhadas de informações que podem influenciar a escolha do ciclista, como a duração e a inclinação do terreno. Além do Rio de Janeiro, as cidades de São Paulo, Belo Horizonte e Curitiba também vão contar com a ferramenta.

  • A cidade não é para os carros, mas para as pessoas. Este trabalho só foi possível porque a prefeitura se empenhou em nos ajudar a levantar todas as informações sobre as ciclovias da cidade. Sendo o Rio de Janeiro uma cidade linda, com um clima fantástico, acredito que o serviço vai estimular o uso da bicicleta o ano inteiro, em todas as estações – disse o diretor de Marketing da Google, Marcus Leal.
    A nova rota da ciclovia Mané Garrincha (Aterro/Centro) é ligada à de Copacabana, passando por Botafogo. Desta forma, a ciclovia se torna totalmente integrada com as estações do metrô, BRS e o sistema Bike Rio, comprovando que a bicicleta é um importante modal de transporte para a cidade. Seu projeto atende aos pedidos dos moradores e ciclistas de Botafogo e também conta com a instalação de 20 bicicletários, com 40 vagas no total, e academia da terceira idade.

 

Com o objetivo de fugir dos engarrafamentos, o piloto de helicópteros Christiano Wiltgen, 33 anos, usa a bicicleta como meio de transporte para se deslocar pela cidade. Para ele, o novo traçado da ciclovia trará ainda mais segurança aos ciclistas:
– A rota anterior cruzava um posto de gasolina e isso trazia riscos. Como uso a bicicleta diariamente para me deslocar, tenho reparado nas muitas melhorias durante o percurso. Isso é sensacional porque, diante de uma pista segura e bem sinalizada, o carioca se sente motivado para tirar a bicicleta de casa.

Prefeitura Rio

Ler matéria completa

Vagner Liberato

Meu nome é Vagner Liberato, sou carioca e vivo no Rio de Janeiro. Formei-me em Administração de Empresas e sou um apaixonado por conteúdo sustentável. Desde 2015 faço o Jornal Sustentabilidade com maior prazer! Para falar comigo, entre em contato pelo email: contato@meioambienterio.com

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close