Meio Ambiente

Pesquisadores estudam a utilização da água na agricultura

O Brasil, que hoje possui mais de 75 milhões de hectares plantados, teve a safra de 2015 projetada em 204,3 milhões de toneladas – a maior estimativa feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em mais de 40 anos do Levantamento Sistemático de Produção Agrícola (LSPA). Entre os vários fatores que contribuem para se chegar a números como esses, a oferta de água é um dos mais importantes.

Há cinco a Embrapa pesquisa a água com atenção, principalmente com a atuação da Rede Agrohidro, que reúne especialistas de diversas regiões do Brasil para investigar o uso eficiente da água nos sistemas produtivos agrícolas do Brasil. Formada por sete projetos componentes, com mais de 200 atividades relacionadas tanto à pesquisa científica quanto à sua gestão, a Rede conta hoje com cerca de 120 pesquisadores para entender e aprimorar o uso dos recursos hídricos no campo, considerando os impactos das mudanças climáticas e do uso das terras na agricultura.

De 15 a 19 de junho a Rede se reuniu pela terceira vez, em Corumbá (MS), com participação dos profissionais da Embrapa Solos (Rio de Janeiro-RJ), que apresentaram trabalhos e posters. “Atuamos principalmente no monitoramento e caracterização de bacias hidrográficas nos diferentes biomas e em modelos matemáticos aplicados ao estudo de impactos dos sistemas de produção nos recursos hídricos”, conta a pesquisadora da Embrapa Solos Marisol Schuler. Esses modelos podem ser usados para simular cenários futuros, orientando sobre o manejo para melhorar a qualidade e disponibilidade da água.

Um exemplo prático desses estudos vem do córrego Buriti Vermelho, localizado na porção sudeste do Distrito Federal, a água estava se tornando escassa em uma época incomum para esse tipo de comportamento. A água é utilizada na agricultura pelos produtores rurais locais. “A partir de um conhecimento do sistema de manejo das necessidades hídricas das culturas plantadas na região, a equipe da Rede Agrohidro pôde orientar a população quanto à quantidade ideal de retirada de água, reunindo os produtores da região. O córrego voltou a correr em três dias”, afirma Schuler.

Esse é um exemplo de uma situação em que foi possível resolver um problema de abastecimento de água a partir das pesquisas feitas pela Rede Agrohidro. “Para a orientação da gestão do manejo, tanto em pequenas bacias quanto nas médias e nas grandes, o projeto pode obter muitas informações e orientações para a gestão da água”, diz Schuler.

Para mais informações sobre o uso da água na agricultura, acesse: https://www.embrapa.br/agua-na-agricultura

Colaboração: Nicoli Dichoff (Embrapa Pantanal)

Carlos Dias (20.395 MTb RJ)
Embrapa Solos

Ler matéria completa

Vagner Liberato

Meu nome é Vagner Liberato, sou carioca e vivo no Rio de Janeiro.
Formei-me em Administração de Empresas e sou um apaixonado por conteúdo sustentável.
Desde 2015 faço o Jornal Sustentabilidade com maior prazer!

Para falar comigo, entre em contato pelo email:
contato@meioambienterio.com

Related Articles

1 thought on “Pesquisadores estudam a utilização da água na agricultura”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker