ANA ajusta regra para operação de UHEs nas bacias dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí

0

Alteração da redação surgiu da necessidade de se detalhar a operação dos aproveitamentos hidrelétricos localizados nessa região

A Agência Nacional de Águas alterou a redação do artigo segundo da resolução Conjunta ANA/DAEE nº 699, que dispõe sobre suspensão temporária de análise de requerimentos e emissões de outorgas na área das bacias hidrográficas dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí. O ajuste no texto surgiu da necessidade de se detalhar a operação dos aproveitamentos hidrelétricos localizados nessa região.

O texto anterior era menos específico. A nova redação define que os operadores dos aproveitamentos hidrelétricos deverão obter da ANA ou do DAEE, conforme o domínio das águas, autorização para operar seus reservatórios variando o nível d’água ao longo do dia, “desde que avaliem e demonstrem que a operação não causará impacto sobre os usuários de recursos hídricos localizados a jusante dos aproveitamentos”.

Caso os usuários de água localizados a jusante dos aproveitamentos hidrelétricos declarem impacto em suas captações, ou caso os órgãos gestores de recursos hídricos identifiquem qualquer interferência associada à variação de níveis ao longo do dia, a autorização será cancelada e a operação dos reservatórios deverá ser realizada sem variação de níveis, com vazões afluentes iguais às defluentes, em qualquer período.

 

Canal Energia

Leia Também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.