Meio Ambiente

Itaipu reabre comportas da usina depois de um ano

Itaipu, na fronteira do Brasil com o Paraguai, voltou a abrir na última sexta-feira

Depois de pouco mais de um ano fechado, o vertedouro da usina de Itaipu, em Foz do Iguaçu (PR), na fronteira do Brasil com o Paraguai, voltou a abrir na última sexta-feira, 10 de julho. O vertimento ocorre para o controle operacional do reservatório, em decorrência das chuvas intensas na área de influência do reservatório do Lago de Itaipu, nos últimos dias. Esse cenário deve se repetir ao longo da semana.

Antes de sexta-feira, a última vez que o vertedouro havia sido aberto foi no dia 23 de junho de 2014. Embora a Itaipu esteja operando na cota normal, entre 219 e 220,30 metros acima do nível do mar, a reabertura do vertedouro foi decidida como medida preventiva, já que a meteorologia trabalha desde a semana passada com previsão de chuvas acompanhadas de tempestade para toda a região. Como o consumo de energia costuma diminuir em feriados e nos finais de semana, com base nos dados da hidrologia, Itaipu optou em escoar a água excedente para controlar o reservatório e evitar enchentes abaixo da usina.

O maior vertimento nos últimos três dias foi registrado no último domingo, 12 de julho, quando a Itaipu chegou a escoar 7 mil metros cúbicos de água por segundo, o equivalente a quase 5 vezes o volume das Cataratas do Iguaçu que, em condições hidrológicas normais, é de 1.200 metros cúbicos de água por segundo. Itaipu operava, às 10 horas do último domingo, na cota 219,71 metros acima do nível do mar. A tendência é que esse nível aumente nos próximos dias, em virtude das precipitações na área de influência.

Canal Energia

Sobre o autor | Website

Meu nome é Vagner Liberato, sou carioca e vivo no Rio de Janeiro. Formei-me em Administração de Empresas e sou um apaixonado por conteúdo sustentável. Desde 2015 faço o Meio Ambiente Rio com maior prazer! Para falar comigo, entre em contato pelo email: contato@meioambienterio.com

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.