Meio Ambiente

MS: produção de milho somará R$ 12 milhões de toneladas em dez anos

Produção do milho safrinha em Mato Grosso do Sul deve crescer 41,7% dentro de 10 anos, passando de 8,543 milhões de toneladas para 12,109 milhões de toneladas, enquanto a área de plantio do cereal no Estado terá aumento de 33,9%, avançando de 1,568 milhão para 2,100 milhões de hectares. Os dados, que colocam MS como o segundo em crescimento dessa cultura para o período, dentro de uma lista de nove estados produtores, são do estudo “Projeções do Agronegócio – Brasil 2013/2014 a 2023/2024 – Projeções de Longo Prazo”, divulgado na última semana pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

Para analistas ouvidos pelo Correio do Estado, são grandes as possibilidades de que o Estado confirme a publicação do Mapa e torne-se destaque em produção de milho na próxima década, considerando o retrospecto das cinco últimas supersafras anteriores. No entanto, as condições do cenário futuro dividem opiniões.“Primeiro, operamos num País onde não se sabe o que vai acontecer com a economia amanhã; em segundo lugar, estamos falando de agricultura, que é uma fábrica, um mercado a céu aberto e uma atividade de alto risco climático. Se algo acontece, uma geada quebra de 20% a 30% da produção, o produtor certamente perde o fôlego para investir”, alerta a analista de grãos da Rural Business Consultoria, Tânia Tozzi.

* A reportagem de Daniella Arruda

Veja também APRIMORANDO O AGRONEGOCIO

 

Sobre o autor | Website

Meu nome é Vagner Liberato, sou carioca e vivo no Rio de Janeiro. Formei-me em Administração de Empresas e sou um apaixonado por conteúdo sustentável. Desde 2015 faço o Meio Ambiente Rio com maior prazer! Para falar comigo, entre em contato pelo email: contato@meioambienterio.com

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.