Meio Ambiente

MMA realiza curso de sustentabilidade no DF

Capacitação promovida pelo programa Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P) conta com a participação de 28 órgãos públicos

 

Por: Tinna Oliveira – Editor: Marco Moreira

Começou, nesta segunda-feira (03/08), mais uma turma do Curso de Sustentabilidade na Administração Pública, em Brasília, no Supremo Tribunal Federal (STF). O evento é promovido pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA) por meio do programa Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P). O objetivo é aprimorar e ampliar as ações de sustentabilidade na gestão pública e reforçar a implantação da A3P nos órgãos públicos.

Participam servidores de 28 órgãos públicos. O curso segue até sexta-feira (07/08), sempre no horário de 8h às 12h. Até o fim do ano, serão divulgadas novas turmas, tanto presencial, quanto online.

Os participantes do curso aprenderão sobre como gerenciar projetos, construções sustentáveis, eficiência energética, eficiência no uso da água, gestão de resíduos (plano de gerenciamento), qualidade de vida no ambiente de trabalho, sensibilização e capacitação dos servidores, análise do ciclo de vida e licitações sustentáveis.

EXEMPLO

O conteúdo está de acordo com os eixos temáticos do programa A3P, cuja proposta é estimular a reflexão sobre a responsabilidade socioambiental e a mudança de atitude no ambiente de trabalho. Atitudes como imprimir nos dois lados da folha, apagar a luz ao sair do ambiente, realizar compras públicas sustentáveis que priorizem critérios ambientais, dentre outras, exemplificam possíveis mudanças no ambiente de trabalho.

Atualmente, mais de 165 órgãos assinaram termo de adesão com a A3P e mais de 545 servidores participam da rede A3P – canal de comunicação que serve para troca de experiências dos participantes.

Confira as instituições que participam do curso:

1.    Instituto Federal Goiano;
2.    Senado Federal;
3.    Ministério da Justiça;
4.    Procuradoria Geral da República;
5.    Caixa Econômica Federal;
6.    Ministério da Saúde;
7.    Casa Civil do Distrito Federal;
8.    Escola de Governo do Distrito Federal;
9.    Secretaria de Estado de Gestão do território e Habitação;
10.    Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Águas Lindas de Goiás;
11.    Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome;
12.    Metrô -DF;
13.    Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal;
14.    Ministério Público do Distrito Federal e Territórios;
15.    Procuradoria Regional da República na 1ª Região;
16.    Polícia Militar do Distrito Federal;
17.    Secretaria de Estado de Gestão Administrativa e Desburocratização do DF;
18.    Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos do Rio Grande do Norte (SEMARH/RN);
19.    Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão;
20.    Agência Brasileira de Inteligência;
21.    Fundação Nacional de Saúde (FUNASA);
22.    1º Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (Cindacta I);
23.    Ministério da Fazenda;
24.    Arquivo Nacional;
25.    Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC);
26.    Banco do Brasil;
27.    Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE);
28.    Secretaria da Micro e Pequena Empresa da Presidência da República.
Assessoria de Comunicação Social (Ascom/MMA)

Sobre o autor | Website

Meu nome é Vagner Liberato, sou carioca e vivo no Rio de Janeiro. Formei-me em Administração de Empresas e sou um apaixonado por conteúdo sustentável. Desde 2015 faço o Meio Ambiente Rio com maior prazer! Para falar comigo, entre em contato pelo email: contato@meioambienterio.com

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.