Meio Ambiente

Plantas medicinais, cultivo protegido e biofertilizante são temas de curso para assentados

A Embrapa Amazônia Ocidental, com apoio do Idesam (Instituto de Conservação e Desenvolvimento Sustentável do Amazonas), promove nesta quarta-feira e quinta-feira (5 e 6 de agosto) o curso intitulado Plantas medicinais, aromáticas e condimentares e o cultivo protegido de hortaliças com o uso de biofertilizantes em fertirrigação.

A capacitação – direcionada a assentados da Reforma Agrária e a técnicos da assistência técnica e extensão rural – acontece na sede da Embrapa em Manaus e tem como objetivo apresentar técnicas para cultivo de plantas medicinais, aromáticas e condimentares e, também, o cultivo protegido de hortaliças com o uso de biofertilizantes em fertirrigação como alternativa para produção de hortaliças em áreas de assentamentos rurais do Incra.

“Estas ações de transferência de tecnologia, por meio de capacitações, são extremamente estratégicas para a Embrapa, considerando que este público capacitado atuará como agentes multiplicadores das tecnologias geradas e/ou recomendadas pela instituição. Espera-se que este intercâmbio de conhecimentos junto aos assentamentos rurais possa contribuir para o aumento e melhoria da produção agrícola nestas localidades, garantindo segurança alimentar e geração de renda, assim, beneficiando o maior número de famílias possível”, destacou a chefe-adjunta substituta de Transferência de Tecnologia da Embrapa Amazônia Ocidental, Elizângela Carneiro.

No primeiro dia, o curso vai contemplar diversas abordagens sobre as plantas medicinais, aromáticas e condimentares, como espécies, formas de propagação, produção de mudas, tratos culturais, colheita, pós-colheita e beneficiamento. No segundo dia, a capacitação aborda os tipos de estrutura para cultivo protegido, equipamentos e manejo para irrigação e produção de biofertilizante, entre outros temas.

O curso vai ser ministrado pelos pesquisadores da Embrapa, Rodrigo Fascin Berni e Francisco Célio Maia Chaves.

Programação – 1º dia
7h30 – Recepção, credenciamento e abertura
7h45 – Plantas medicinais e aromáticas
•    Espécies
•    Tipos de propagação
•    Produção de mudas
12h – Intervalo
13h – Métodos de cultivo
•    Tratos culturais
•    Colheita
•    Pós-colheita e beneficiamento
•    Perspectivas e aplicabilidade no campo
16h30 – Encerramento

Programação – 2º dia
7h30 – Cultivo Protegido, biofertilizante e caldas para controle de pragas e doenças
•    Tipos de Estrutura
•    Cobertura plástica: fixação com grampo de PVC
•    Irrigação: equipamentos e manejo

12h – Intervalo
13h – Biofertilizante: Produção
•    Biofertilizante na fertirrigação: manejo
•    Calda bordalesa: produção e uso
•    Calda sulfocálcica: produção e uso
•    Perspectivas e aplicabilidade no campo
16h30 – Encerramento

Felipe Rosa (14406/RS)
Embrapa Amazônia Ocidental

Telefone: (92) 3303-7852

Sobre o autor | Website

Meu nome é Vagner Liberato, sou carioca e vivo no Rio de Janeiro. Formei-me em Administração de Empresas e sou um apaixonado por conteúdo sustentável. Desde 2015 faço o Meio Ambiente Rio com maior prazer! Para falar comigo, entre em contato pelo email: contato@meioambienterio.com

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.