continua após a publicidade

Metas contemplam redução de emissão de Gases de Efeito Estufa e consumo por fontes renováveis 

São Paulo, 09 de janeiro de 2024 – A Algar Telecom anuncia a emissão de debêntures vinculadas às metas de práticas ESG. Os compromissos estipulam que, até 2030, a companhia reduza as emissões absolutas de Gases de Efeito Estufa em 53% e atinja 86% de consumo de energia por fontes renováveis em toda matriz energética da Algar Telecom até 2025, sem utilizar da compra de IRECs, e investindo também em ativos próprios de geração de energia elétrica limpa. Os recursos captados serão utilizados para propósitos corporativos gerais da estratégia de expansão e de acordo com a cultura e práticas ESG da companhia. 

Esta é a primeira emissão da empresa vinculada aos compromissos ESG, que serão mensurados de acordo com indicadores previamente estipulados, que podem ser conferidos no Framework da companhia que foi atestado positivamente por um parecer independente emitido por uma consultoria especializada, e permitirão avaliar a evolução da companhia na agenda climática. “Fomentar boas práticas ambientais, sociais e de governança faz parte do nosso negócio e buscamos sempre integrar práticas sustentáveis à gestão, em todas as áreas de atuação”, explica Ana Paula Rodrigues Marques de Oliveira, Vice-Presidente de Gente da Algar Telecom. “Desde 2013, contamos com um Comitê de Engajamento Socioambiental, composto por representantes de todas as regiões de atuação da Algar Telecom. Vindos das mais diversas áreas, os profissionais contribuem com a execução das práticas para consolidação de indicadores, discutindo metas, conscientizando e realizando ações socioambientais nas suas regionais”, completa Ana Paula. A 14ª emissão de debêntures, no montante de R$ 700 milhões, foi aprovada no dia 13 de novembro em reunião do Conselho de Administração. O Coordenador Líder da operação ficou a cargo do Itaú BBA. 

Os prêmios acumulados pela companhia reforçam esse discurso. Em 2023, a Algar Telecom foi vencedora, por exemplo, da categoria Telecomunicações, Tecnologia e Mídia do prêmio “Melhores do ESG”, da Exame, como a operadora de telecomunicações que adota as melhores práticas em atenção ao meio ambiente, à responsabilidade social e à governança no Brasil. Foi a décima vez que a empresa conquistou o prêmio concedido pela publicação. 

A Algar é, ainda, signatária da Rede Brasil do Pacto Global da Organização das Nações Unidas (ONU), iniciativa que envolve empresas e organizações em 160 países para promover o engajamento do setor privado em sustentabilidade, promovendo um mercado global mais inclusivo e igualitário por meio dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Alguns ODS têm contribuição direta da companhia por meio de seus negócios e iniciativas, e outros são indiretamente afetados positivamente. 

A emissão de debêntures anterior da Algar Telecom havia ocorrido em fevereiro de 2023 em um valor de R$ 300 milhões.

continua após a publicidade