Como parte de seu propósito de Alimentar Um Mundo Melhor, a Bimbo Brasil, empresa líder em panificados, está operando com energia 100% renovável em suas seis plantas distribuídas no Brasil: São Paulo (SP), Mogi das Cruzes (SP), Rio de Janeiro (RJ), Brasília (DF), Jaboatão dos Guararapes (PE) e Gravataí (RS). A iniciativa faz parte dos compromissos globais da companhia, que aderiu à campanha Race To Zero (corrida ao zero) — agenda global apoiada pela Organização das Nações Unidas (ONU), que reúne lideranças com objetivo de contribuir para o compromisso de ser zero emissão líquida de carbono até 2050.

Em suas unidades fabris, a energia renovável utilizada na produção é obtida de fonte eólica proveniente de empresas do mercado livre de energia com certificação “Renovável”. Para Alfonso Argudín, diretor geral da Bimbo Brasil, os resultados obtidos estão compensando os esforços destinados ao projeto: “O objetivo estabelecido por meio da participação na RE100, que reúne empresas focadas em tornar a eletricidade 100% renovável em suas operações, era contar com todas as unidades da companhia utilizando energia limpa até 2025. Entretanto, atingimos a meta em apenas dois anos”. Com a adoção de energia 100% limpa, a Bimbo Brasil deixa de emitir 5.3 mil toneladas de CO2 por ano. Até 2030, o Grupo está empenhado em reduzir 50% de suas emissões CO2 para o escopo 1.

A Bimbo Brasil integra lista dos 21 países em que o Grupo Bimbo já opera com eletricidade 100% renovável e cujo progresso atual em seus 33 países está em 93%. “Para os próximos anos, colocaremos em prática uma série de ações que permitirá reduzir nossa pegada de carbono. A utilização de energia renovável é uma das iniciativas que faz parte do planejamento de sustentabilidade do Grupo e reafirma a nossa filosofia em sermos uma empresa sustentável, altamente produtiva e plenamente humana. Fazemos isso por meio de melhores práticas, que incluem inovação tecnológica e o apoio de parceiros e clientes, continuaremos trabalhando para prevenir, reduzir ou eliminar a emissão de carbono em nossa cadeia de valor”, afirma Argudín.

A Bimbo Brasil conta com diversas outras ações de sustentabilidade, que compõe plano estratégico e ambicioso do Grupo no cuidado com o planeta. A companhia está comprometida em reduzir o impacto ambiental por meio da agricultura regenerativa com zero emissões de carbono, além de promover a circularidade e a redução de resíduos em sua cadeia de valor, que inclui desde a forma com que as matérias-primas são colhidas até a maneira como o cliente desfruta dos produtos em sua mesa.

A empresa possui também o programa Aterro Zero para as fábricas Gravataí e Raposo, localizadas respectivamente nos estados do Rio Grande do Sul e São Paulo. O projeto começou a ser implementado em 2020, sendo a melhor solução para a destinação sustentável dos resíduos, bem como para promover a ativação da economia circular, ou seja, gerar mais empregos e rendas nas regiões das nossas operações. A previsão é de que até junho de 2023, todas as fábricas da companhia no Brasil sejam Aterro Zero.

Gostou dessas dicas? Se sim, compartilhe com seus familiares e amigos, e também em suas redes sociais. Receba conteúdo gratuito, diariamente, e siga-nos no Google News.