Soluções Industriais Soluções Industriais

Como a indústria cresceu ao decorrer dos anos?

Como a indústria cresceu ao decorrer dos anos?

A industrialização, no Brasil, vem crescendo desde seus primórdios. Não à toa, evoluímos tecnologicamente em nichos como os de sensor de temperatura e umidade e tantos outros. Mas, as coisas nem sempre foram assim, o processo foi longo e houveram grandes empecilhos ao longo do caminho.

Neste texto, veremos mais sobre essa história e analisar seu início, até a passagem pela pandemia, entendendo como os gestores desse segmento estão driblando as adversidades e conseguindo se recompor. Ficou curioso sobre o tema e deseja saber melhor sobre os detalhes? Então, vem com a gente!

O que foi e é a industrialização?

A industrialização é um processo natural, que ocorre quando o país começa a ver o desenvolvimento desse setor em seu território. Esse processo revolucionário teve início no século XVIII, mais precisamente na Inglaterra. 

De lá para cá, o mundo evoluiu e enxergou a vantagem e o potencial de expansão. Década após década, vimos mais espaço para estudos, produção, cuidados necessários e tecnologias aplicadas. Afinal, é essencial estar atento a novas tendências para começar a aplicar no seu negócio. 

Olhando para nosso país, podemos notar que nossa evolução não deixa a desejar, se comparado àqueles de primeiro mundo, pois somos especialistas no que diz respeito à robótica e outros maquinários, tão fundamentais quanto o projeto de climatização para indústrias.

Infelizmente, nós sofremos por sermos um país de industrialização tardia, o que está fazendo que passemos por um processo de desindustrialização. Veja, mesmo com tantas novidades e crescimento, os impactos ambientais e geográficos causados por este nicho ainda são superiores. 

O objetivo central sempre deve estar atrelado à possibilidade de desenvolver algo economicamente sustentável, baseado na produção de bens manufaturados. Assim, isso influenciará diretamente a economia do país e ajudará a transformá-lo em uma das potências mundiais.

Tipos de industrialização

A industrialização é um processo muito heterogêneo, implicando diversas especificidades. Por isso, foram separados em vários tipos, para que fosse possível entender e suprir, com mais eficiência, esses modelos. São elas:

Industrialização clássica

Na clássica temos um modelo que se define, inicialmente, como aquele que depende dos países desenvolvidos. Foi criada por meio de indústrias tradicionais na Revolução Industrial Inglesa. Fica fácil identificá-la, pois tem continuidade baseada na modernização do seu espaço industrial. 

Para deixar esse conceito mais claro, imagine uma indústria que trabalha com uma bomba hidráulica, por exemplo, hoje ela terá processos mais otimizados para facilitar o dia a dia dos funcionários.

No entanto, no passado, esse tipo de serviço era muito mais complexo e exigia um tempo muito maior para executar cada função que hoje é facilitada pela tecnologia e sistemas sofisticados.

Industrialização planificada

A economia centralizada só ocorreu historicamente por forte atuação estatal no controle de finanças. Tem como marca, indústrias que são criação dos estados que, por sua vez, provém grande parte das necessidades da população. Aqui estão alguns segmentos sobre essa indústria: 

  • Mineradoras; 
  • Madeireiras;
  • Petrolíferas;
  • Metalúrgica.

Esse modelo de indústria é um sistema econômico onde a produção é prévia e planejada por especialista, no qual os meios de produção são propriedades do estado, e a atividade é controlada por uma autoridade que estabelece metas de produção. 

Industrialização tardia

A industrialização tardia está diretamente atrelada a países subdesenvolvidos, que entraram anos depois neste eficiente processo e, entre eles, está o nosso país. A atividade agropecuária sempre foi predominante, redirecionando recursos para carrinho plataforma, o que atrasou a evolução e a criação de maiores investimentos nesse setor.

Essas características vão ser cruciais para definir como e onde os empresários colocam seu dinheiro. Apesar de tudo isso que citamos acima, o Brasil, embora atrás, quanto aos números que poderíamos ter, ainda planeja um crescimento nesse setor. 

Dessa forma, a margem de evolução é um excelente sinal para empreendedores interessados em investir nesses setores. Agora, com a inserção da indústria 5.0 e a otimização do aprendizado das Máquinas, é correto afirmar que teremos um novo episódio para esta grande história e alcançar dias melhores.

Gostou do conteúdo? Então, conte para gente nos comentários e não deixe de acompanhar as novidades no blog e compartilhar nas redes sociais. Até a próxima!

Este artigo foi escrito por Éder Pessôa, criador de conteúdo do Soluções Industriais

Sobre o autor Soluções Industriais Soluções Industriais | Website

Somos a maior plataforma B2B da América Latina e temos o objetivo de facilitar o contato entre as indústrias e os seus clientes em potencial, além de mantê-los atualizados com as inovações e as últimas notícias sobre o mercado industrial. Pensando nisso, utilizamos a estratégia de guest post que contribui para a relevância dos blogs na internet.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.