Aprender um novo idioma pode gerar inúmeras oportunidades para as pessoas e, por esse motivo, os professores particulares de línguas estrangeiras são muito procurados no mercado. 

Seja um professor de francês particular ou de qualquer outro idioma, não importa, no Brasil existe uma grande demanda de procura por esse tipo de profissional. 

Como a globalização continua a ser a tendência nos dias de hoje, mais e mais pessoas sentem a necessidade de aprender pelo menos uma língua estrangeira.

As línguas são a marca da comunicação no mundo dos negócios. Portanto, quebrar a barreira do idioma para melhores oportunidades de emprego se torna primordial.

Com isso, os professores de línguas estrangeiras são profissionais que desempenham um importante trabalho. 

Mas como realmente é o mercado para professores particulares de línguas estrangeiras?

Se você quer saber mais sobre o assunto, continue a leitura e entenda quais caminhos um professores de idiomas pode seguir. 

Áreas de atuação para professores particulares de idiomas

Aqui estão algumas das principais opções de áreas de atuação para professores particulares de línguas estrangeiras. 

1. Escola de idioma (empresa privada)

Com um número crescente de alunos que optam por estudar várias línguas estrangeiras, basta fazer algumas pesquisas no Google para encontrar diversas opções de escolas de de idiomas disponíveis. 

Com isso, é possível que professores de línguas estrangeiras consigam ótimas oportunidades de trabalho em empresas privadas. 

Não importa em qual estado do Brasil você esteja, provavelmente encontrará algumas opções de escolas de idiomas onde poderá verificar se existem vagas disponíveis. 

Além disso, devido à pandemia de Covid-19, muitas escolas passaram a oferecer a opção de aulas online. Ou seja, graças ao crescimento do ensino remoto você pode verificar se existe a possibilidade de trabalhar de casa. 

2. Professor Particular (autônomo)

Um professor particular é uma pessoa que dá aulas para apenas um indivíduo ou um pequeno grupo de alunos. 

Para conseguir esse tipo de trabalho, é importante que o profissional tenha e ofereça:

  • Público-alvo definido;
  • Currículo personalizado;
  • Programas personalizados;
  • Orientação personalizada;
  • Disponibilidade para diferentes dias da semana e horários. 

Essa abordagem é um método de aprendizado mais eficaz e produtivo e, por esse motivo, os professores podem cobrar valores mais altos pela prestação do serviço. 

Além disso, os alunos organizam suas aulas e podem agendar sessões em horários convenientes tanto para o aluno quanto para o professor. 

Alguns alunos começam com aulas particulares em grupo por ter um custo menor e, em seguida, passam para as aulas privadas para obter uma orientação personalizada. 

Nessa opção, é importante que o professor tenha em mente que deve oferecer opções que se adaptem às necessidades dos alunos. 

3. Treinamento corporativo

No local de trabalho ou no mundo corporativo, aprender um idioma para negócios beneficia tanto a empresa quanto os funcionários individualmente. 

As corporações costumam usar o treinamento de idiomas para expandir os negócios em mais mercados. 

Falar um idioma importante — como inglês, espanhol e francês — melhora a capacidade de uma empresa negociar efetivamente nos mercados internacionais.

Com isso, novas possibilidades podem surgir. 

Como resultado, professores particulares de línguas estrangeiras são procurados pelas empresas para que possam dar aulas na empresa, em grupo. 

Os valores pagos pelas empresas costumam ser altos, já que é um serviço personalizado e o professor geralmente precisa se deslocar até a empresa, caso seja necessário. 

4. Aulas online de idiomas

Embora as opções que citamos acima também possam ser aplicadas de forma online, essa opção de atuação para professores particulares merece ser destacada. 

Nos últimos anos, e especialmente devido à pandemia, vimos o desenvolvimento e a expansão de programas de línguas estrangeiras online. 

Isso fez com que as aulas online ganhassem força e muitos alunos migrassem para essa opção. 

Um professor de idiomas que decide dar aulas online é beneficiado de diversas formas, assim como os alunos. Com o online, é fácil gerenciar uma grande quantidade de alunos. 

Além disso, se você der aulas particulares por conta própria, não precisa criar restrições de horários de aula, podendo ser mais flexível para o aluno, quando necessário. 

E, claro, ao dar aulas online, você pode trabalhar de qualquer lugar, a qualquer hora. Tudo o que precisará é de conexão com a internet, um fone de ouvido, um computador e uma webcam. 

Conclusão

Se você deseja se tornar professor particular de línguas estrangeiras, ou se já atua na área, mas está com dúvidas sobre qual caminho seguir, é muito importante que avalie as opções disponíveis. 

Graças às diversas possibilidades no campo da educação, as perspectivas de carreira para professores particulares de idiomas continuam a ser crescentes. 

As pessoas estão cada vez mais preocupadas em aprender novos idiomas e, por esse motivo, é possível atuar dando aula em escolas de idiomas, de forma autônoma, presencial, online e assim por diante. 

Esperamos que tenha gostado do conteúdo e que tenha ficado mais claro como é o mercado para professores particulares de idiomas!

Gostou dessas dicas? Se sim, compartilhe com seus familiares e amigos, e também em suas redes sociais. Receba conteúdo gratuito, diariamente, e siga-nos no Google News.