O termo Marketing de Afiliados conquista a internet diariamente. Essa forma de trabalhar com o marketing é muito popular e vem fazendo com que as pessoas consigam conquistar dinheiro na internet, sem a necessidade de realizar grandes investimentos.

A internet tem se tornado um ambiente muito propício e vantajoso para empreendedores. É também muito interessante para aqueles que não estão inseridos totalmente no mundo dos negócios, mas buscam oportunidades de ganhar algum dinheiro online em uma área como, por exemplo, de purificador de ar.

Muitas inovações ganharam espaço com essa possibilidade de empreendimento e o marketing de afiliados é uma delas. Na prática, funciona assim: uma empresa lança determinado produto na internet e os afiliados, ou seja, qualquer pessoa, ajuda a divulgar o produto nas redes sociais e de várias outras formas.

Quando esse cliente realiza a compra por conta de uma divulgação de um afiliado, um link personalizado é utilizado na transação. Esse link vai contabilizar o número de vendas e quanto a pessoa vai receber de comissão.

Neste artigo, vamos abordar o conceito do Marketing de Afiliados e as principais categorias deste modelo. Acompanhe a leitura!

Afinal o que é Marketing de Afiliados

O Marketing de Afiliados é uma estratégia utilizada para divulgar produtos e serviços que

não necessariamente pertencem à sua marca, em troca de uma comissão por cada venda

que aquela pessoa ou empresa seja responsável por promover.

Este programa funciona de forma semelhante a um contrato de publicidade, onde o afiliado

pode utilizar diferentes plataformas digitais para apresentar o produto, potencializando as

vendas e gerando uma comunicação mais assertiva com o público-alvo.

Afinal, uma empresa de  lavadora de piso, por exemplo, pode aplicar essa técnica para desenvolver a melhor divulgação de seus produtos/serviços nas redes mais adequadas ao seu negócio.

VEJA AS PRINCIPAIS CATEGORIAS DE DIVULGAÇÃO

Existem diversas estratégias que podem ser usadas para promover uma marca e garantir o sucesso no mercado. Aqui estão alguns passos essenciais para atingir esse objetivo de forma eficiente, veja a seguir: 

CPC (Custo por Clique)

A função do Custo por Clique (CPC) é trabalhar ao máximo com campanhas de divulgação que sejam chamativas e interessantes para o cliente clicar na página, por exemplo, que venda ventilador climatizador. O que vale aqui são os cliques em banners, anúncios ou qualquer publicidade que tenha sido divulgada pelo afiliado.

CPA (Custo por Ação)

No CPA a comissão do afiliado será calculada quando o cliente, além de clicar, fizer qualquer tipo de ação dentro da página. 

Dessa forma, essa categoria demanda que, além de boa campanha de divulgação e mídia, o afiliado possa criar uma página para vender o produto ou criar interesse suficiente para que o cliente sinta vontade de interagir com aquele conteúdo. 

CPM (Custo por Mil Impressões)

O Custo por Mil Impressões, por sua vez, é baseado em um valor fixo, criado pelo próprio anunciante. O pagamento será feito sempre que o anúncio de uma porta de enrolar, por exemplo, atingir mil visualizações no blog do afiliado. 

A boa notícia é que aqueles afiliados que já têm boa quantidade de views em seus blogs tendem a criar um interesse muito maior e conseguir mais benefícios.

CPV (Custo por Vendas)

Como o próprio nome já diz, o Custo por Vendas (CPV) paga o afiliado sempre que houver alguma compra por parte do cliente. Essas compras podem ser contabilizadas por meio de códigos ou links gerados, associando a transação com o afiliado em questão. O mais legal é que eles processam a comissão de forma automática.

Viu como é possível que uma empresa lucre facilmente com essa estratégia de marketing de afiliados? Além disso, a grande vantagem é que não é preciso fazer grandes investimentos nem pela parte da loja e muito menos pela pessoa interessada. A liberdade, a praticidade e o baixo custo são os principais pontos positivos em se tornar um afiliado.

Por fim, o marketing de afiliados é uma estratégia muito moderna que vai oferecer diversos benefícios para todos os envolvidos no processo, além de servir como renda extra para quem está precisando de uma graninha no momento. 

Gostou do texto de hoje? O Soluções Industriais está sempre trabalhando para trazer os melhores conteúdos para seus leitores e esperamos que você continue acompanhando o nosso blog. Conte para a gente o que achou nos comentários e não esqueça de compartilhar nas suas redes sociais. Até a próxima!