Imagem: Pexels

A reciclagem de alumínio é um tema muito importante para a preservação do meio ambiente. Esse material está em terceiro lugar como o mais abundante do mundo. O alumínio pode ser encontrado em vários produtos de seu uso cotidiano, como em uma arruela de alumínio, por exemplo, muito utilizada para fabricação de produtos e maquinários.

O alumínio é um material muito usado em escala industrial, já que ele é comercializado há cerca de 150 anos no mundo todo. Atualmente, esse material tem uma grande importância, já que ele é utilizado na fabricação de muitos produtos.

Já a reciclagem do alumínio é muito necessária, já que apenas latas de alumínio demoram de 200 a 500 anos para se decomporem na natureza. Ou seja, é primordial reutilizar esse material para não causar mais estragos ao meio ambiente.

Através da reciclagem de alumínio, é possível ter consequências positivas como a economia de matéria-prima e energia elétrica, além de redução de emissão de gases que pioram o efeito estufa e diminuição de lixo nos aterros sanitários. Além disso, a coleta de alumínio é fonte de renda para muitas pessoas que vivem apenas com a coleta seletiva de materiais recicláveis.

Entre os produtos fabricados com alumínio reciclado, as latas de alumínio ganham maior destaque. Nosso país é líder mundial na reciclagem desse material. Quase 100% das latinhas de alumínio descartadas no Brasil são recicladas. Para dar uma noção mais exata, uma lata de alumínio só fica parada nas ruas de São Paulo por dez segundos, antes de serem coletadas e vendidas para postos de reciclagem.

Além disso, há outros produtos feitos de alumínio que também podem ser reciclados, como esquadrias de janelas, carcaças de veículos e muito mais. No entanto, o alumínio nesses equipamentos possui um processo de reciclagem com custo elevado e ainda têm a desvantagem de demorarem mais para serem descartados.

Cada produto de alumínio descartado, sejam latinhas, esquadrias de janela ou carcaças de carros, possuem seu próprio processo de reciclagem. De forma geral, o processo segue um padrão: primeiro o alumínio é coletado, depois vendido para empresas que realizam a reciclagem.

Tais empresas fazem a higienização do material e depois realizam a compactação. Depois disso, possíveis pinturas e vernizes são retirados do alumínio. Para finalizar, é realizada a fundição do material em um forno que o transforma em líquido para ser laminado.

No dia 28 de outubro de todo ano é celebrado o Dia Nacional da Reciclagem de Alumínio. O índice médio de reciclagem de alumínio no Brasil é de 96%, por isso foi citado que é de quase 100% anteriormente. De acordo com a Associação Brasileira do Alumínio (ABAL), o nosso país consome 55,4% de alumínio reciclado, um número acima da média mundial.

O maior centro de reciclagem de alumínio do Brasil e da América Latina está localizado em Pindamonhangaba, São Paulo. Atualmente, mais de 17 bilhões de latinhas de alumínio descartadas em nosso país são recicladas anualmente pela empresa, que pertence à Novelis.

Porém, não são apenas latinhas de alumínio que podem ser recicladas, como já citado no artigo. Alguns descartes da construção civil, de itens de consumo doméstico ou da indústria automotiva também são reciclados em Pindamonhangaba. Dessa forma, eles retornam para o procedimento produtivo de origem.

A principal vantagem da reciclagem de alumínio é ambiental. Com isso, existe a economia de 95% de energia elétrica e redução de emissão de gases que pioram o efeito estufa, quando comparado à produção primária de alumínio. Além disso, mesmo com o processo de reciclagem, o material não perde nenhuma de suas propriedades.

Por isso é tão importante escolher produtos de alumínio quando existir a possibilidade, além de realizar o descarte correto desse material, seja uma latinha de refrigerante até a carcaça de um carro.  Dessa maneira, o meio ambiente é mais preservado em muitos sentidos.

Por isso, na hora de escolher entre uma garrafa de plástico ou uma latinha de alumínio, tenha preferência pelo alumínio. Além disso, ao descartar qualquer equipamento com esse material, escolha pontos de coleta seletivos que irão reciclar o material.

Isso só traz benefícios para o meio ambiente, além de conscientizar mais pessoas a adquirir hábitos mais sustentáveis e gerar renda para muitas famílias no Brasil.

Gostou dessas dicas? Se sim, compartilhe com seus familiares e amigos, e também em suas redes sociais. Receba conteúdo gratuito, diariamente, e siga-nos no Google News.