Fixadores de cabelo

Há algum tempo, os fixadores de cabelo eram sinônimo de laquê, fios duros e com aspecto envernizado. No entanto, graças à tecnologia e pesquisas, a indústria modernizou o produto, lançando diferentes versões para agradar a todos os públicos e gostos. Nesse sentido, existem fixadores com diferentes intensidades, além de se adequarem aos mais variados tipos de cabelo e necessidades, desde oferecer um toque mais natural até atender às demandas de um bom penteado.

Contudo, sabemos que não são todas as pessoas que realmente conhecem os fixadores, seus tipos e formas de usar. Então, pensando nisso, preparamos o post de hoje para te ajudar e tirar suas dúvidas de uma vez por todas. Vamos lá? 

O que é e para que serve os fixadores?

Os fixadores são muito úteis e poder ser utilizados de diferentes formas, desde uma estilização nos fios para o dia a dia, até em eventos mais formais, como casamentos ou festa. Nesse sentido, ele serve para atender diversos objetivos e funcionalidades, como criar um visual mais despojado, segurar o penteado durante todo o dia, além de manter o look intacto mesmo em condições adversas, como vento forte ou ambiente úmido, por exemplo. 

Qual a diferença entre fixador e laquê?

O laquê foi a primeira versão do fixador. Antigamente, ele tinha como base de sua composição uma resina e outros elementos que deixavam os cabelos duros, criando uma verdadeira camada sobre os fios. Hoje em dia, por outro lado, os fixadores têm uma produção mais sofisticada, oferecendo um produto que resulta em um visual muito mais bonito, elegante e suave. Inclusive, quando utilizado da maneira correta, não deixa os fios brancos ou muito duros. 

Quais são os tipos de fixadores de cabelo?

Existem diferentes tipos de produtos para cabelo disponíveis no mercado e o mais indicado irá depender do resultado desejado e tipo de cabelo. Separamos abaixo de acordo com os tipos de fixações existentes para que você entenda melhor qual se encaixa em seu estilo, características dos fios e necessidade. Confira:

Extra forte

Essa é a versão mais tradicional dos fixadores, sendo capaz de deixar as mechas modeladas e intactas por muitas horas. Contudo, é importante deixar claro que ele pode deixar o aspecto dos fios molhado e sabemos que esse não é o desejo de boa parte das pessoas, a não ser quem quer fazer um penteado mais clássico, como o coque bailarina. 

Forte

O spray forte com toque seco é o ideal para quem quer manter o penteado com estilo despojado preso por mais tempo, como os coques desconstruídos e rabos de cavalo desfiados. Além disso, os famosos topetes, que deixam o visual com estilo mais arrumado e formal combinam muito bem com esse produto, pois não deixa o efeito verniz. Inclusive, essa versão do fixador mantém o penteado impecável, mas sem aspecto molhado ou duro. 

Leve 

Por fim, na versão leve, você consegue passar os dedos pelos fios com tranquilidade, algo que é mais difícil com os anteriores. Sua principal vantagem é dar mais firmeza ao cabelo, mas manter a maciez nas mechas. Inclusive, o uso mais comum desse produto é dar volume à raiz, deixando com ar despojado e desarrumado, mas ao mesmo tempo bonito e sensual. Uma boa dica é jogar o cabelo para frente e secá-lo com secador. Em seguida, volte os fios no lugar e aplique o fixador, pois assim ele irá se manter mais volumoso. 

Como usar o fixador?

Muitas pessoas acabam desistindo do fixador, mas isso acontece porque não utilizaram o produto da forma correta. Portanto, o indicado é fazer o penteado que desejar e somente depois aplicar o spray. Além disso, é importante agitar bastante o frasco antes de usar e nunca aplicar somente em uma parte do cabelo. Também é recomendado borrifar movimentando a mão para que ele se espalhe pelos fios de forma uniforme, evitando o aspecto duro e esbranquiçado. Da mesma forma, mantenha o jato a cerca de 15 centímetros do cabelo e não aplique muito perto da raiz. 

Por fim, fique atento ao excesso, pois isso pode estragar a aparência dos fios, além de prejudicar a saúde do cabelo. 

Como tirar o produto do cabelo?

Para remover o fixador do cabelo, basta realizar uma lavagem simples, atentando-se apenas para não quebrar os fios. Para isso, separe os cabelos da ponta para a raiz, ensaboando e enxaguando bem. Lembre-se que o condicionador irá remover o efeito mais duro que persistir, mas ele nunca pode ser passado na raiz.

Então, agora que você sabe para que servem os fixadores, como usar o produto e os tipos disponíveis no mercado, já sabe como escolher o seu. Lembre-se que é importante removê-lo após o evento, pois ficar muito tempo com ele não é indicado. Tenha em mente que o segredo é saber como utilizar o produto a seu favor e assim garantir o melhor resultado.