continua após a publicidade

Brasília – O Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) anunciou um investimento significativo de mais de R$ 951 milhões em estradas vicinais, por meio de convênios com estados, municípios e consórcios. A alocação desses recursos visa impulsionar um total de 572 obras em todo o país. O principal objetivo desse investimento é acelerar a recuperação e expansão das estradas vicinais, com o intuito de aprimorar o escoamento da safra, fortalecer a infraestrutura logística da produção agropecuária e facilitar a mobilidade da população rural.

O projeto está sob a gestão da Secretaria Executiva e das Superintendências Federais, e os recursos provêm de emendas parlamentares, baseadas nas portarias interministeriais 424/16 e 33/23. O Ministério enfatizou que, de acordo com essas normativas, é possível aprovar projetos que já tenham passado por processos licitatórios antes mesmo da formalização do convênio, desde que seja comprovada a vantagem econômica em relação a realizar uma nova licitação e que esteja em conformidade com a legislação vigente.

De acordo com o Ministério da Agricultura e Pecuária, muitas prefeituras que submeteram seus projetos para análise técnica já estão avançadas na execução das obras. Um dos primeiros projetos aprovados é o do município de Canarana, em Mato Grosso, onde as obras já estão na terceira medição, visando a recuperação de mais de 160 quilômetros de estradas.

Os dados do Ministério indicam que em Minas Gerais estão em andamento 84 obras em parceria com 69 municípios e a Secretaria Estadual de Infraestrutura, Mobilidade e Parcerias. Na Paraíba e no Rio Grande do Sul, são realizadas 54 obras em cada estado. Além disso, no Maranhão, mais de R$ 107 milhões foram destinados para a execução de 40 obras.

Esses investimentos são cruciais para melhorar a infraestrutura rural, promover o desenvolvimento das regiões agrícolas e fortalecer o setor agropecuário do país.

Fonte: Agência Brasil

continua após a publicidade