Hábitos diários sustentáveis
Hábitos diários sustentáveis

Cada vez mais, a pauta ambiental tem se tornado central nas nossas vidas, principalmente porque os efeitos da ação humana já são perceptíveis com as mudanças climáticas. Temporadas de frio fora de época e calor em regiões geladas são exemplos claros de que algo precisa ser feito o mais rápido possível.

Nesse sentido, é preciso refletir sobre a forma como nós, habitantes do planeta azul, podemos reverter esse quadro catastrófico. Porque, para além da ação de empresas sustentáveis, é preciso também adotar um comportamento sustentável no nosso cotidiano.

Pensando nisso, listamos algumas opções de hábitos que você pode implementar na sua rotina diária, de modo a diminuir o gasto dos recursos naturais, valorizar e respeitar, o máximo possível, o meio ambiente. Só assim poderemos garantir uma melhor qualidade de vida para nós e para quem ainda está por vir.

Top hábitos sustentáveis

Economize energia

Se por um lado o principal tipo de energia aqui no Brasil – a elétrica – é tida como “limpa” (já que, em tese, agride menos o meio ambiente que a energia térmica, por exemplo), por outro há um gasto imenso com um recurso extremamente precioso e, infelizmente, não renovável: a água.

Por isso mesmo, é preciso rever o uso da energia elétrica em nossas casas. Tomar banhos mais rápidos, tirar aparelhos inutilizados da tomada, apagar as luzes ao sair do cômodo e aproveitar ao máximo a luz do dia são alguns exemplos simples, mas que fazem toda a diferença.

Separe o lixo

O lixo é outro problema quando se pensa na relação entre o homem e a natureza – até porque a humanidade produz muito mais lixo do que o meio ambiente é capaz de decompor. Nesse sentido, a reciclagem é uma ação mais que necessária para os dias atuais.

Separar o lixo orgânico (cascas de vegetais e sobras de alimentos), reciclável (embalagens plásticas, papel, vidro e metal) e rejeitos (papel higiênico, absorvente, algodão, seringa, etc.) é uma tarefa simples, mas que faz toda a diferença – especialmente se houver coleta seletiva no lugar onde você mora.

Reaproveite embalagens

Já parou para pensar na quantidade de embalagens que nós descartamos todos os dias? E por que não reaproveitá-las? Embalagens de vidro são um bom exemplo disso. Garrafas podem ganhar uma nova cara com alguns adereços e flores, virando um item de decoração para a sua mesa.

Potes de vidro também podem (e devem) ser reaproveitados para guardar outros alimentos, desde que tenham tampa e não estejam trincados. Algumas embalagens plásticas também podem virar acessórios de decoração ou para armazenar itens pequenos, como brincos e pulseiras.

Compre em brechós

Algo que tem ganhado força nos últimos tempos é a busca por brechós. Esse tipo de estabelecimento é um forte amigo da natureza na medida em que ajuda na valorização de peças que poderiam ser descartadas, mesmo estando em bom estado.

Outro benefício é para o seu bolso, já que as peças vendidas em brechós costumam ser mais baratas que as compradas nas lojas clássicas. Tire o seu preconceito de lado e aposte na compra de roupas e acessórios em brechó sem medo de ser feliz.

Prefira produtos cruelty free

O veganismo é uma filosofia de vida que inibe o consumo e uso de qualquer tipo de alimento ou produto que seja de origem animal. Isso implica tanto num cardápio totalmente vegetal quanto na recusa por cosméticos que tenham sido testados em animais, por exemplo.

Adotar tal filosofia é opção de cada um, mas buscar consumir itens que causem menos dor aos animais também é uma possibilidade para lá de acessível. O selo cruelty free (livre de crueldade), por exemplo, garante que o cosmético que você está usando não colocou a vida de nenhum animal em risco, por exemplo.