continua após a publicidade

A princípio, adquirir o hábito de ler é extremamente importante para o desenvolvimento do seu cérebro e das suas habilidades cognitivas. Porém, a leitura também exerce um papel fundamental na redução do estresse e de problemas emocionais como a depressão e a ansiedade. 

Dito isso, fique com a gente até o final desse artigo e confira como essa prática pode melhorar o seu bem-estar emocional e tornar sua vida muito mais leve. 

Você já ouviu falar na biblioterapia? 

A Biblioterapia ainda é nova no Brasil, com o primeiro artigo a respeito dessa prática sendo publicado somente em 1975.  

Sendo assim, podemos dizer que a Biblioterapia nada mais é do que um estilo de terapia à base de livros, com o objetivo de fazer com que o paciente se torne capaz de enfrentar seus problemas emocionais através da leitura.

Por meio de poesias, contos literários e histórias, o leitor consegue correlacionar a sua atual situação emocional e trabalhar em prol da sua melhora. 

Além disso, a Biblioterapia contribui para que pessoas com dificuldade de expressar seus sentimentos consigam se abrir com mais facilidade. 

E como ela funciona na prática? 

Antes de aderir a essa prática, o leitor precisa estar disposto a ler os livros em voz alta, já que esse é um dos aspectos mais importantes do tratamento. 

Geralmente, a biblioterapia é feita com um grupo de pessoas, porém, existem situações mais específicas onde a biblioterapia solitária se faz necessária. Nesse caso, a pessoa encontra um livro que pode ajudá-la a lidar com seus obstáculos e o lê sozinha. 

Independente da forma como o método é aplicado – individual ou em grupo –  o profissional responsável deve se basear em seis aspectos primordiais:

  • Identificação;
  • Humor;
  • Catarse;
  • Introjeção;
  • Introspecção;
  • Projeção.

Assim, é oferecido um ambiente recíproco e acolhedor aos participantes da biblioterapia, respeitando o momento e as individualidades de cada um. Os grupos podem ser formados em locais como hospitais, escolas, casas de repouso e etc.

E quais são os principais benefícios da leitura para a sua saúde mental? 

Desenvolvimento da criatividade

Ler nos faz criar diferentes cenários na nossa mente, onde desenhamos os personagens, recriamos suas ações, imaginamos os locais onde a história se passa e muito mais.

Fora isso, antecipamos situações que poderão ocorrer no decorrer do livro e como será o fim da narrativa. Em síntese, exercícios simples como esses fazem com que possamos potencializar nossa imaginação de forma eficiente e natural.

Senso de correlação 

Quando estamos lendo, é normal que dialoguemos com o autor e a história sendo contada. E isso é justamente o que nos faz sentir atraídos pela narrativa, já que muitas vezes a relacionamos com a nossa própria realidade. 

Reduz o aparecimento de doenças neurodegenerativas

Partindo para o campo da ciência, doenças neurodegenerativas como o Alzheimer e outras formas de demência podem ser evitadas com a leitura, pois durante essa prática nosso cérebro permanece constantemente ativo. 

Redução do estresse

A leitura faz com que seus músculos relaxem e mantenham sua respiração no ritmo certo, consequentemente reduzindo os hormônios ligados ao estresse.

Além disso, também ficamos idealizando o que pode acontecer nas próximas páginas e qual será o desfecho da história. Tudo isso ajuda a desenvolver ainda mais nossa criatividade e torná-la algo mais natural no dia a dia.

Relaxamento geral

Ao deixar o celular de lado e optar por ler um bom livro antes de dormir, você reduz de forma significativa os danos causados pela iluminação da tela na sua visão. Fora isso, a leitura auxilia na higiene do sono e ajuda a manter seu cérebro menos fadigado.

E então, o que achou do conteúdo? Se quiser saber mais sobre o que a leitura pode fazer por você, visite nosso site e confira nossos outros artigos

continua após a publicidade