PERÓ VAI HASTEAR A BANDEIRA AZUL NO SEXTO ANO CONSECUTIVO

Com 7,2 quilômetros de extensão e um dos destinos turísticos mais procurados no Estado do Rio, a Praia do Peró, em Cabo Frio, vai hastear a Bandeira Azul (selo internacional de qualidade ambiental) pela sexta vez para a temporada de 2023/2024. A praia é pioneira no interior fluminense a conquistar o certificado internacional graças à luta da comunidade local. Outras três praias do Rio tiveram o selo renovado e cinco vão experimentar a primeira temporada. As bandeiras serão hasteadas até 15 de dezembro.

Para conquistar o selo, as praias precisam cumprir 34 quesitos exigidos pelo júri nacional do programa. Os principais são a qualidade da água (que precisa estar livre de riscos de poluição, sobretudo por esgotos); acessibilidade; salva-vidas; banheiros públicos; segurança; áreas de escape para uso de socorro urgente; programas regulares de educação ambiental; e, envolvimento da comunidade local, entre outros. Se os quesitos não forem cumpridos, o selo não é renovado para a temporada seguinte.

As bandeiras foram entregues na última sexta-feira em cerimônia no Balneário Camboriú, em Santa Catarina. Durante o evento, o coordenador geral de parcerias e concessões do Ministério do Turismo, Rafael Costa Morgado, falou sobre o reconhecimento e o compromisso continuado das áreas certificadas:

— Estamos diante do resultado do esforço coletivo de comunidades, organizações e autoridades locais que compreendem a importância de nossas praias e marinas para o bem-estar do turismo. Ao conquistar a Bandeira Azul, estas praias e marinas não apenas se tornam destinos desejados, mas também demonstram um compromisso com a sustentabilidade e a responsabilidade ambiental. Elas se tornam exemplos inspiradores para outros destinos ao redor do mundo.

A coordenadora nacional, Leana Bernardi, expressou seu orgulho ao testemunhar o notável crescimento do programa ao longo dos anos. Ela enfatizou o papel fundamental dos gestores das praias e marinas que atendem continuamente a rigorosos critérios para hastear a bandeira azul. As bandeiras foram entregues aos municípios, que participaram com prefeitos e secretários. Cabo Frio não mandou representante.

Na mesma cerimônia, o município de Bombinhas conquistou o prêmio de Destaque em Educação Ambiental, reconhecimento atribuído pelo Júri Nacional do Programa Bandeira Azul pelo conjunto de atividades realizadas ao longo da temporada nas praias da Conceição, Mariscal e Quatro Ilhas.

0 município de Governador Celso Ramos, em Santa Catarina, foi distinguido pelo Júri Internacional do Programa Bandeira Azul com o terceiro lugar do hemisfério sul na categoria de “Boas Práticas” por sua iniciativa de tornar a Praia Grande acessível, proporcionando a inclusão de pessoas com deficiência e mobilidade reduzida, permitindo que desfrutem do mar com o auxílio de cadeiras adaptadas, apoiadas pelo corpo de guarda-vidas.

Renovações:

●      Praia do Peró, Cabo Frio – RJ

●     Praia do Forno, Armação de Búzios – RJ

●      Praia do Sossego, Niterói – RJ

●      Praia das Pedras de Itaúna, Saquarema – RJ

Primeira temporada:

●    Praia da Azeda Azedinha, Armação de Búzios – RJ 

●    Praia de Ubás, Iguaba Grande – RJ 

●    Prainha, Rio de Janeiro – RJ 

●    Praia da Reserva, Rio de Janeiro – RJ 

●    Praia das Pedras de Sapeatiba, São Pedro da Aldeia – RJ 

Artigo anteriorTendências de moda praia masculina para o verão
Próximo artigoQual ureia para fabricar arla 32: Guia completo!
Avatar
Para falar conosco basta enviar um e-mail para redacaomeioambienterio@gmail.com ou através do nosso whatsapp 021 989 39 9273.