O rover Perseverance da NASA, após meses de exploração em Marte, finalmente alcançou o local apelidado de “Bright Angel”, onde encontrou rochas surpreendentes com uma textura singular, descrita pelos cientistas como semelhante à “pipoca”. Essas formações intrigantes estão repletas de cristas pontiagudas e veios minerais, sugerindo um passado onde água subterrânea pode ter desempenhado um papel crucial.

Exploração Detalhada das Rochas de Marte

Após completar um levantamento das diversas rochas nas proximidades do “Mount Washburn”, o Perseverance dirigiu-se para norte e estacionou diante de uma exposição de rochas em camadas de tons claros. Esta área, conhecida como “Bright Angel”, proporcionou aos cientistas a primeira visão de perto das estranhas formações rochosas.

A equipe científica, fascinada pelas características das rochas encontradas, planeja agora explorar mais a fundo a origem e a composição desta sequência rochosa. No sol 1175, o rover começou a subir gradualmente pela exposição das rochas, utilizando sua ferramenta de abrasão para coletar dados químicos detalhados.

Próximos Passos da Missão

Após concluir a exploração em “Bright Angel”, o Perseverance seguirá para o sul, atravessando Neretva Vallis, em direção ao local denominado “Serpentine Rapids”. Lá, os cientistas esperam continuar descobrindo mais sobre a geologia marciana e o potencial passado do planeta em hospedar vida.

A descoberta dessas rochas com textura de “pipoca” marca mais um avanço significativo na missão do Perseverance de explorar e entender melhor o ambiente e a história de Marte, preparando o caminho para futuras missões humanas e expandindo nosso conhecimento sobre nosso vizinho planetário.

Fonte: NASA – Athanasios Klidaras

Sem avaliações ainda