reúso de água

O reúso de água pode ser usado para uma variedade de atividades, seja na indústria, varejo ou em residências populares, tratar a água para o reúso pode ser feito com os processos biológicos ou físico-químicos, vai depender de alguns fatores importantes.

Existe muita preocupação hoje em dia em relação à economia de água do planeta. Até um buffet de jantar a domicílio, deve se preocupar na economia de água, para que ele continue existindo. Todos devem ter uma ação em prol da conservação da água no mundo.

O reúso dela é uma das maneiras de ajudar com a economia do planeta. A natureza agradece quem faz isso, pois só trás benefícios. Uma empresa de oficina de pintura e funilaria deve ter todo o cuidado para não desperdiçar água com seu material de pintura.

Com os problemas hídricos cada vez mais comuns, além da grande consciência da necessidade de sustentabilidade ambiental no mundo, o reúso de água tem se tornado mais do que uma prática cada vez mais procurada pelas empresas, mas um hábito das pessoas.

A água é necessária para inúmeras coisas. Os bombeiros precisam dela, e às vezes usam o hidrante de parede, que na maioria das vezes não é muito comum, mas é uma opção muito mais favorável do que pôr ele no chão ou em algum lugar que seja menos logístico.

Reutilizar esse recurso natural é, sem dúvida alguma, algo necessário. Uma vez que as empresas usam muito mais água do que as residências populares, o reaproveitamento pode significar uma diminuição grande na conta, reduzindo os custos da produção.

E, também pode significar um crescimento da segurança operacional, já que a reutilização evita a escassez de água em todo o mundo. Pode-se reutilizar essa água para molhar a grama, por exemplo, esse é um dos benefícios em reusar a água que é gasta com algo.

A aǵua é um dos maiores recursos que existem no planeta, basicamente todas as coisas vivas neste mundo, consomem água e são compostos por água em algum aspecto do funcionamento do seu organismo, por isso, é tão importante prezar por esse bem.

É como o envelopamento de geladeira, a água deixa o planeta mais bonito, assim como o é feito com a geladeira. Sem a água, o planeta morreria e não seria mais o mesmo. Muitas vidas seriam perdidas, inclusive, os seres humanos, que são feitos de 70% de água.

As pessoas que, de algum modo, ignoram a importância da água, estão desconsiderando a sua importância para elas mesmas. O corpo humano precisa que a água carregue diversos nutrientes ao longo do seu funcionamento, e por isso é de tanta importância para ele.

De acordo com a Unesco, até o ano de 2050 o crescimento no consumo de água será de 20% a 30% em todo o planeta.

Essa e outras informações demonstram a grande relevância de salvar os bens naturais disponíveis para os seres humanos hoje. Desse modo, torna-se importante o pensamento sobre a reutilização de água nas casas, indústrias e empresas no geral.

É o caso de uma empresa de produtos de limpeza hospitalar, afinal, um negócio desse porte deve ter cuidado para reutilizar bem a água que usa nas limpezas.

Como implementar em uma empresa

O reúso de água na empresa deve ser realizado a partir da captação de variados tipos de elementos. Sejam eles a chuva ou água de pias e ralos, por exemplo.

Isso é vantajoso para a empresa por causa da redução de custo e variedade na aplicabilidade do que foi recolhido.

Reúso da água pluvial

A empresa pode armazenar a água pluvial, vinda da chuva de calhas, telhados, coberturas e com a ajuda de um tonel. Para ser capacitado para uso, o recurso captado precisa ser clorado e deve estar de acordo com a NBR 15527.

Assim, é evitada a transmissão de patologias perigosas para as pessoas. O reúso de água é benéfico, mas deve ser feito com cuidado. A água da chuva pode ser reutilizada na indústria para:

  1. Limpar os pisos, pátios e os banheiros;
  2. Fazer os cuidados do jardins e áreas verdes;
  3. Ajudar na geração de energia e reduzir custos;
  4. E, por fim, fazer a limpeza dos maquinários.

Esses são apenas alguns tipos de usos para a água que foi armazenada da chuva. Muitas empresas já fazem esse tipo de tarefa, principalmente para reduzir os custos mensais.

Reúso da água cinza

Devem ser consideradas águas cinzas aquelas que têm origem no processo de lavar louça, bem como roupa e tomar banho. Mas, também de outras tarefas envolvendo a lavagem de coisas, por exemplo, as que saem do serviço de piscineiro podem ser usadas.

Essa espécie de resíduo não tem volume elevado de poluição e pode ser usado em certos casos onde há precisão do líquido. Na empresa, as pessoas podem utilizar a água cinza para dar descarga nas necessidades fisiológicas, por exemplo.

No entanto, é possível utilizá-las também na lavagem de pisos, também das calçadas e na irrigação de jardim, desde que esteja de acordo com as indicações da NBR 13.969/97.

Esse tipo de reúso de água na empresa diminui o derramamento de esgoto pelas áreas urbanas, faz uma grande economia de água potável, energia elétrica, e vários outros benefícios são encontrados nesses tipos de práticas.

Às vezes, as pessoas se preocupam, por exemplo, com o descarte errado de canetas corporativas, dentro das empresas, mas o uso incorreto e desnecessário da água também deve ter uma grande atenção.

As vantagens da prática

As vantagens centrais de reusar a água são inúmeras e vão desde o âmbito humano em si, até benefícios direcionados para a natureza.

1. Ajuda o meio ambiente

Utilizar água de reúso auxilia de vários modos com o meio ambiente e, especialmente por meio da diminuição do desperdício e da poluição na natureza.

Como a redução de esgoto é lançada nos corpos hídricos, a prática pode ajudar para reduzir bastante a poluição da água, centralmente em regiões cronicamente atingidos, por exemplo, no rio Pinheiros, em São Paulo.

Além disso, uma vez que a água é bem tratada e usada dentro da empresa, ao contrário de passar por um fluxo de distribuição muito maior, é usada com o máximo de aproveitamento e o menor desperdício possível.

2. Uma maior segurança hídrica

A água de reuso eleva a disponibilidade de água potável, levando para longe a escassez. Também auxilia as organizações a controlarem a demanda em tempos de crise ou seca.

O bom de ter esse tipo de controle, com a capacidade de crescer a segurança operacional de seu negócio, é quase imensurável.

Por exemplo, a Braskem, uma petroquímica muito popular por implementar atividades sustentáveis, reutiliza água há muito anos, tendo passado por algumas crises sem nenhuma restrição produtiva, pelo contrário, teve crescimento na sua produção.

3. Uma melhora na economia

Um estudo feito com mais de duas mil indústrias paulistas de médio e grande porte mostrou que, sem maiores investimentos, é totalmente possível reutilizar cerca de 60% do total de água usado em uma indústria.

E nem está se levando em conta o valor econômico da segurança hídrica. O fato de ter água de reuso significa uma maior vantagem financeira, como no caso da Braskem já citada, que passou por alguns prejuízos de centenas de milhões de reais na crise de 2014.

E, certamente, impedir uma grande perda financeira é uma motivação grandiosa, que deve entrar na balança a favor do reuso de água dentro das empresas.

Também vale ressaltar que a Lei 9.433 de 1997 passou a pedir das empresas outorgas para o despejo de efluentes nos rios, coisa que tornou esse despejo de esgoto altamente caro para as organizações.

Além da grande cobrança, essa outorga deve ser retirada em casos muito excepcionais, como nos períodos de seca.

Se for levado em conta todas essas características, é simples ver que o reúso é uma solução com um ótimo custo-benefício.

Considerações finais

O uso de água pelas empresas é três vezes maior do que nas residências comuns. Logo, é necessário que os hábitos de utilização das empresas sejam bem repensados. 

Com isso, reduz-se o desperdício dos elementos hídricos industriais. O esgoto deve ser um precioso artifício para solucionar a escassez de fluidos, quando usado como água de reúso através de sistemas de coleta e tratamento de água.

As ditas águas residuais, famosas pelo nome de esgoto, são recursos hídricos usados em tarefas humanas ou industriais. Após serem descartados no meio natural, tornam-se impróprios para serem consumidos.

Todavia, essa quantidade grande de água deve ser tratada e bem aproveitada para ser usada nas indústrias.