Notícias Conversion

Dermaplaning: tudo sobre o procedimento que remove as camadas superiores da pele

Dermaplaning: tudo sobre o procedimento que remove as camadas superiores da pele

Chamada de kao sori pelas japonesas, o Dermaplaning é uma raspagem que deixa a pele bem lisinha, e, segundo estudo da Academia Americana de Dermatologia, o procedimento ajuda a combater as linhas de expressão e rugas, estimulando também a produção de colágeno da área. Ao melhorar a circulação capilar, melhora também a transmissão de nutrientes para a epiderme, que não tem tanto fluxo sanguíneo.

Para ter esses efeitos, é preciso procurar um bom profissional que use o bisturi especial e bem esterilizado. O material não deve ser reutilizado. 

O procedimento faz com que os cremes tenham maior absorção, e faz com que os produtos de maquiagem sejam absorvidos de forma uniforme na face. E fique tranquila: a penugem do rosto não crescerá mais grossa ou mais rápido depois do procedimento! 

Antes de passar a lâmina, a esteticista aplica um creme ou óleo, para facilitar o deslizamento na pele. Assim, as células mortas e a penugem superficial são removidas, melhorando o tônus, a tonalidade e a textura. No fim do processo, há uma máscara calmante e um hidratante com fator de proteção 50+. É imprescindível que a pele do rosto não fique exposta ao sol por pelo menos 48 horas depois do procedimento, devido à alta sensibilidade. 

O tratamento pode ser repetido depois de 21 dias, para permitir a renovação celular. 

Antes de realizar a técnica, é preciso parar de usar ácidos retinoicos no rosto, para evitar lesões na pele, e também evitar exposição solar intensa por pelo menos cinco dias.

O dermaplaning é um ótimo aliado para melhorar a pele da face, assim  como a depilação a laser na virilha, que diminui a irritação na região, causada pela depilação com giletes tradicionais. 

Este tratamento pode e deve ser sempre feito antes de qualquer outro tratamento de rejuvenescimento facial, como mesoterapia, injeção de ácido hialurônico ou aplicação de botox, pois deixa a pele mais permeável e ativa, com mais capacidade de absorção dos produtos.  

Apesar de um grande aliado estético, o procedimento tem algumas contraindicações, como peles muito secas, finas ou com acnes ativas e muito oleosas, porque estimula ainda mais a produção das glândulas sebáceas. O procedimento também não é indicado para pessoas que fazem uso do medicamento isotretinoina e pacientes alérgicos a níquel. 

A técnica é rápida, podendo ser feita em até uma hora. Lembre-se de buscar um profissional de confiança para esses procedimentos e consulte um dermatologista. 

Avatar

Sobre o autor Conversion | Website

Para falar conosco basta enviar um e-mail para redacaomeioambienterio@gmail.com ou através do nosso whatsapp 021 989 39 9273.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.