continua após a publicidade

A Fidelity Investments anunciou discretamente a ampliação do acesso ao comércio de Bitcoin (BTC) e Ether (ETH) para todos os seus comerciantes de varejo nos Estados Unidos. A partir deste mês, a plataforma Fidelity Crypto está disponível para investidores individuais comprarem e venderem as duas principais criptomoedas do mercado, além de usarem o serviço de custódia da Fidelity Digital Assets. Anteriormente, a plataforma só estava disponível para instituições e alguns clientes em lista de espera. A empresa afirmou em sua conta no Twitter que está explorando a possibilidade de permitir que os clientes transfiram criptomoedas de e para suas contas da Fidelity.

Por enquanto, a Fidelity é responsável por fazer a custódia dos ativos digitais dos clientes, que não têm acesso às chaves privadas. A negociação de BTC e ETH está disponível apenas para cidadãos dos Estados Unidos com mais de 18 anos que residam em um dos 36 estados onde a Fidelity Digital Assets oferece serviços. A empresa informou que não cobrará comissões pelo serviço para clientes individuais, mas haverá uma taxa de 1% sobre cada transação. A empresa chama a taxa de “spread” e a define como “a diferença entre o preço de execução e o preço pelo qual a Fidelity Digital Assets preenche o pedido”.

A Fidelity também fornece o Fidelity Ethereum Index Fund, um fundo que acompanha o desempenho do Ether em dólares americanos. A novidade da Fidelity ocorre em um momento delicado para o mercado de cripto nos EUA, com empresas enfrentando forte pressão regulatória das autoridades locais e bancos que atendem empresas de criptomoedas fechando, como o Silicon Valley Bank (SVB), o Silvergate e o Signature Bank.

continua após a publicidade