O bilionário Elon Musk comprou recentemente a rede social conhecida como Twitter, em uma movimentação ousada que gerou muitas discussões tanto dentro quanto fora da rede social.

No próprio twitter, Musk fez uma série de publicações explicando sua motivação, e o que o teria feito seguir em frente com a compra, que já havia sido iniciada uma vez, mas que ele havia desistido.

O talento para a tecnologia de Musk fez com que muitos profissionais da área, como especialistas em sistema de gestão integrada, começassem a seguir o empresário para saber suas opiniões.

Em seu texto, Musk afirma que existe muita especulação sobre os motivos que o levaram a comprar a rede social, e principalmente a relação da compra com a publicidade relacionada ao twitter.

Entretanto, de acordo com ele, as especulações não estavam de acordo com suas motivações pessoais, e elementos que o fizeram decidir pela compra da rede social e iniciar uma série de mudanças na plataforma.

De acordo com Elon Musk, a compra da rede social foi impulsionada pelo desejo de criar um ambiente comum no mundo digital, onde uma série de diferentes opiniões pode ser debatida.

Muitas mudanças no mercado de tecnologia se originaram de ideias de Musk, que inspiraram profissionais a criar ferramentas em diversas áreas como na digitalização de documentos.

A proposta é evitar que a plataforma crie uma divisão entre pessoas de ideologias extremas em qualquer lado do espectro político, tendo como principal argumento a liberdade de expressão, que Musk defende com efetividade.

De acordo com o bilionário, a compra não foi motivada por lucro, ou mesmo porque seria um empreendimento fácil de administrar. A ideia, conforme Musk declarou em seu relato na rede social, é uma tentativa de ajudar a humanidade.

Mesmo que a proposta de Elon seja tornar um twitter um espaço para o livre diálogo, e já tenha relatado várias vezes que seria menos ditatorial com relação a opiniões divergentes, ele afirma que nem todas as coisas podem ser ditas sem nenhum tipo de consequência.

A ideia do twitter não é deixar de seguir as regras dos países onde está inserida, e sim se tornar uma plataforma mais acolhedora, onde as pessoas podem declarar divergências de opinião sem que o discurso escale para violência.

A proposta para o novo twitter é criar um ambiente adequado para aqueles que desejam debater assuntos diversos, podendo escolher como aproveitar a experiência de acordo com seus gostos pessoais.

Profissionais de desenvolvimento de software estão interessados em entender melhor as mudanças que serão trazidas pelo empresário para conseguirem adaptar suas ferramentas para essa nova maneira de usar a rede social.

Sobre a publicidade, outro ponto que levantou uma série de questionamentos foi quando a compra foi anunciada, Elon Musk continuou o discurso, mas em um tom bem mais leve que em pronunciamentos prévios à transação.

O empresário afirmou que a publicidade pode ser uma forma de encanto e entretenimento, desde que seja bem executada. Ela é uma forma importante de apresentar novos produtos aos consumidores.

Como novo proprietário da rede social, a ideia de Musk é tornar a empresa muito mais exigente com relação aos temas publicitários, eliminando anúncios de baixa relevância, muitas vezes conhecidos como spam.

Essa parte do discurso foi uma maneira de Musk acenar para os investidores da plataforma, e garantir que o twitter seguirá buscando um fortalecimento da marca no mercado, garantindo bons resultados a eles.

Por fim, Musk agradeceu a todos os parceiros e usuários do twitter, convidando-os a construir uma nova maneira de usar a rede social em conjunto, adotando uma série de questões importantes para esse tipo de ação.

As ações na rede social impactam uma série de profissionais, desde o usuário comum até empresas de auditoria contábil que utilizam a rede social como uma maneira de promover seus serviços.

A discussão da compra do twitter levantou uma série de questões, principalmente entre o público comum, sobre o bilionário excêntrico que tem um forte impacto em suas redes sociais.

Quem é Elon Musk?

Essa foi uma das principais questões levantadas pelas pessoas que descobriram a compra do twitter fora das redes sociais. Por conta da negociação midiática, muitas pessoas que não tem um contato tão forte com a internet acabaram ouvindo o nome de Elon.

Essa negociação levantou dúvidas e questionamentos sobre a pessoa de Elon Musk, suas origens e outras informações importantes. Não é, entretanto, a primeira vez em que Elon aparece na mídia.

O empresário é considerado um dos mais importantes do mundo, e muitos de seus fãs compartilham informações e notícias sobre suas diversas empresas, como:

  • SpaceX;
  • Tesla;
  • Hyperloop;
  • The Boring Company.

Além de uma série de outras empresas que estão sob o controle do empresário, ou que estiveram anteriormente. 

Preocupado com questões digitais, Elon Musk trabalha diretamente com pesquisas na área de tecnologia, principalmente com IA através de diversas ações, como uma empresa de software.

Seus posicionamentos em redes sociais geraram uma série de polêmicas, e muitas pessoas questionam os reais interesses de Elon Musk por trás de suas companhias, gerando uma série de controvérsias em diversos locais do mundo.

A origem de Elon Musk

Nascido em Pretória, na África do Sul, Elon viveu até os 17 anos no país, antes de migrar para o Canadá. Lá, ele entrou na Queen’s University, onde faria sua primeira graduação.

Em 1992, dois anos depois de migrar para o Canadá, Elon optou por ir para os Estados Unidos, transferindo-se para a Universidade da Pensilvânia e se formando em física e economia.

Elon chegou a iniciar seu Ph.D. na Califórnia, mas acabou desistindo para conseguir se dedicar por mais tempo a empreendimentos, tendo como principais focos a energia renovável, a internet e viagens ao espaço.

Nesse momento, Elon inicia sua jornada com seu irmão, criando a Zip2, uma plataforma de jornais online que foi vendida para a Compaq em 1999, rendendo aos jovens cerca de 300 milhões de dólares.

Com esse investimento, Musk deu origem ao que eventualmente se tornaria a Paypal, um dos maiores nomes de serviços bancários na internet. A empresa foi vendida ao eBay em 2022, gerando ainda mais lucro para o jovem.

Com esse dinheiro, Elon conseguiu se estabelecer no mercado e começar a buscar pesquisas e estruturas mais voltadas para o que ele estava interessado desde o primeiro momento.

A riqueza de Elon Musk

A venda da Zip2 foi um importante momento para ajudar Musk a desenvolver seu espírito empreendedor e garantir um bom resultado, que hoje se reflete em seus ganhos financeiros.

Muitos profissionais de consultoria empresarial estudam a trajetória de Musk para entender como administrar melhor empresas de tecnologia.

Entretanto, é preciso entender que Musk vem de uma família bastante privilegiada economicamente, e não fossem os mais de 20 mil dólares emprestados por seu pai para a abertura da Zip2, talvez sua ascensão não fosse igualmente bem sucedida.

Com parte do dinheiro conseguido com a venda da Zip2, Elon continuou investindo, chegando ao ponto de se tornar uma das 10 pessoas mais ricas do mundo. Durante anos, ele encabeçou a lista.

Polêmicas de Elon Musk

O empresário, embora continue com um patrimônio em constante crescimento, tem sua imagem muitas vezes vinculado a polêmicas, tanto no campo profissional quanto no pessoal, por conta de declarações em redes sociais como o twitter.

Antes da compra da rede social, Musk era um vocal crítico da plataforma, dizendo que os responsáveis pelo twitter não seguiam o princípio da liberdade de expressão e que moderava conteúdo de forma descabida e autoritária.

Para profissionais de um sistema ERP, estudar o comportamento de Musk é muito importante para entender os acertos e erros do empresário e aplicar os acertos de forma eficiente em suas estratégias.

Musk também deu declarações polêmicas a respeito da pandemia do coronavírus, quando afirmou que não havia necessidade de pânico no começo do agravamento dos casos no mundo todo.

Ele também chegou a declarar no twitter que considerava o pânico por conta da pandemia burro. A Tesla, empresa de Musk, foi condenada em um jurí federal por discriminação racial.

A multa chegou a mais de 130 milhões de dólares, enquanto diversas outras denúncias de assédio moral e sexual também foram prestadas com relação às empresas de Musk.

A conduta de trabalho e a relação com empregados tem sido uma polêmica a muito tempo, conforme funcionários decidem levar em frente suas acusações na justiça. 

Por isso, empresas de telefone IP devem se atentar ao comportamento de Musk para evitar complicações no futuro.

Considerações finais

O brilhantismo de Elon Musk é inegável, mas sua figura pública é repleta de polêmicas e controvérsias, o que tornou o processo de compra do twitter muito mais público do que ele precisava ser.

Entretanto, entender as motivações de Musk para a transação ajuda a entender um pouco melhor o mercado global e como ele se comporta nesse tipo de situação.Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.