Meio Ambiente

Nadadores sírios refugiados conhecem Parque Aquático

Tudo ainda parece um sonho para os nadadores sírios Yusra Mardini, 18, e Rami Anis, 25. Só que a realidade se mostrou monumental nesta quinta-feira ao conhecerem o Parque Aquático Olímpico, onde ocorrem as provas de natação dos Jogos Rio 2016. É lá que ambos competirão defendendo a bandeira do Comitê Olímpico Internacional (COI) no primeiro Time Olímpico de Refugiados (TOR) da história.

“É impressionante”, disse Mardini, feliz ao conhecer a arena onde ambos competirão oficialmente nos 100m livres e 100m borboleta. Yusra já teve que usar suas habilidades como atleta para ajudar a salvar 20 vidas num bote que naufragava na perigosa travessia da Turquia para a Grécia. Anis, por sua vez, deixou a Síria com receio de ser recrutado para a guerra.

Eles treinaram juntos pela primeira vez, na piscina anexa à arena – Yusra vive em Berlim, na Alemanha, enquanto Rami recebeu o asilo da Bélgica e se estabeleceu na cidade de Eeklo. Ambos têm se acostumado com o assédio constante da imprensa – que só deve aumentar com a chegada de mais membros do TOR na manhã desta sexta-feira.

“Nós estamos muito orgulhosos de fazer parte desse time. É incrível estar aqui representando pessoas que perderam suas terras natais, suas casas, que foram mortas… Agora estamos aqui representando-as de uma boa forma. É um sentimento incrível”, relatou Anis. O nadador sírio explica que não espera nenhuma medalha para o Rio de Janeiro, mas “que seria um verdadeiro sonho se isso acontecesse em Tóquio 2020: “Vou treinar muito para isso”.

Yusra Mardini treina pela primeira vez junto com o seu compatriota pelo Time Olímpico de Refugiados

Com as informações rio2016.com

Ler matéria completa

Vagner Liberato

Meu nome é Vagner Liberato, sou carioca e vivo no Rio de Janeiro.
Formei-me em Administração de Empresas e sou um apaixonado por conteúdo sustentável.
Desde 2015 faço o Jornal Sustentabilidade com maior prazer!

Para falar comigo, entre em contato pelo email:
contato@meioambienterio.com

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker