Nova fragrância de Natura Ekos reforça atributos de sustentabilidade da marca

Inspirada nas flores da Amazônia, a Natura apresenta esta semana a nova fragrânciaNatura Ekos Flor da Manhã. O lançamento utiliza em sua composição ingredientes da biodiversidade brasileira: os óleos essenciais de pataqueira, priprioca e copaíba, obtidos de forma sustentável. O frasco é composto por 20% de vidro reciclado pós-consumo, o que contribui para a redução da emissão de CO2 na atmosfera e evita o descarte de material.

 

A Natura tem relacionamento com 30 comunidades na região amazônica, entre elas as paraenses Movimento de Mulheres das Ilhas de Belém (MMIB), a Campo Limpo e a Boa Vista do Acará. Elas são responsáveis pelo manejo sustentável da priprioca e da pataqueira, que posteriormente passa por um processo de destilação a vapor para que se obtenha os óleos essenciais usados na fragrância, técnica que preza pela preservação dos ingredientes naturais e pela eliminação do uso de solventes.

 

Todas as cadeias de abastecimento da Natura, entre elas as dos ingredientes de Ekos Flor da Manhã, seguem os critérios de um sistema de verificação e monitoramento de fornecedores desenvolvido em parceria com a União para BioComércio Ético (UEBT), que atesta a procedência sustentável de ingredientes naturais. O sistema verifica o processo produtivo das cadeias da sociobiodiversidade da empresa, por meio de avaliações documentais e in loco.

 

Assim como todas as fragrâncias da Natura, Ekos Flor da Manhã também é produzida com álcool 100% orgânico, extraído de cana de açúcar cultivada sem agrotóxicos ou queimadas, em um sistema em que agricultura e floresta convivem em harmonia, potencializando a regeneração da vida nas áreas de cultivo.

 

Sobre a Natura

 

Fundada em 1969, a Natura é uma multinacional brasileira de cosméticos e produtos de higiene e beleza. Líder no setor de venda direta no Brasil, registrou R$ 7,9 bilhões de receita líquida em 2015, possui mais de 7 mil colaboradores, 1,8 milhão de consultoras e operações na Argentina, no Chile, no México, no Peru, na Colômbia e na França. Foi a primeira companhia de capital aberto a receber a certificação B Corp no mundo, em dezembro de 2014, o que reforça sua atuação transparente e sustentável nos aspectos social, ambiental e econômico. A estrutura da companhia é composta por fábricas em Cajamar (SP) e Benevides (PA), oito centros de distribuição no Brasil, um hub logístico em Itupeva (SP) e centros de Pesquisa e Tecnologia em São Paulo (SP) e Nova York (EUA). Detém o controle da fabricante australiana de cosméticos Aesop, com lojas em países da Oceania, Ásia, Europa e América do Norte. Produtos da marca Natura podem ser adquiridos com as consultoras Natura, pela Rede Natura rede.natura.net, por meio do app Natura ou nas lojas nos shoppings Morumbi, Villa Lobos, Pátio Paulista, Eldorado e Anália Franco, em São Paulo. Para mais informações sobre a empresa, visitewww.natura.com.br e confira os seus perfis nas seguintes redes sociais:Linkedin, Facebook, Instagram, Twitter e Youtube.

Sobre o autor | Website

Meu nome é Vagner Liberato, sou carioca e vivo no Rio de Janeiro. Formei-me em Administração de Empresas e sou um apaixonado por conteúdo sustentável. Desde 2015 faço o Meio Ambiente Rio com maior prazer! Para falar comigo, entre em contato pelo email: contato@meioambienterio.com

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.