Meio Ambiente

Porto de Santos registra movimentação de cargas recorde

Porto de Santos registra movimentação de cargas recorde

O Porto de Santos alcançou em 2015 o seu maior movimento de cargas para o primeiro semestre do ano, somando 55,2 milhões toneladas. O número supera em 2,6% o recorde anterior, registrado em 2013, de 53,7 milhões t.
“A informação mostra que estamos no caminho certo. E, mais do que isso, o resultado espelha a recuperação da balança comercial brasileira. Vamos continuar perseguindo a excelência e a modernidade, mesmo passando pelo ajuste fiscal”, disse o ministro dos Portos, Edinho Araújo.

Segundo o diretor presidente da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), Angelino Caputo, a expectativa no início do ano, era de que a movimentação superasse 54,0 milhões t. “O resultado foi ainda mais expressivo do que havíamos projetado e decorreu, principalmente, do aumento verificado nas exportações, que cresceram 6,1% em relação a 2014”, explica Caputo.

O complexo soja foi o destaque no período, com embarque de 13,6 milhões t, ficando 3% acima do ano anterior. O açúcar, segunda carga de maior movimento, atingiu 7,2 milhões t, acréscimo de 2,4%.

Outra carga que se projetou foi o óleo combustível, com alta de 19,7% no semestre, em relação a 2014, caracterizando-se como a terceira carga mais movimentada em 2015, com 1,2 milhão de t.  As outras cargas de maior movimentação foram a celulose (1,6 milhão t), óleo diesel e gasóleo (997,5 mil t), sucos cítricos (970 mil t) e milho, com 928 mil t, 21,8% acima do ano passado (762 mil t).

A movimentação de cargas conteinerizadas também registrou recorde para o período, com a marca de 1,8 milhão teu, alta de 6,6% em relação a 2014 (1,7 milhão teu, a maior movimentação de contêineres no Porto de Santos até então). Em toneladas, o crescimento atingiu 13,4%, saindo de 17,5 milhões t, em 2014, para 19,8 milhões t, em 2015.

Nas importações, o complexo portuário santista registrou aumentou de 0,5% em relação a 2014. A carga de maior movimentação neste fluxo foi o enxofre, com 933 mil t, seguido do adubo (928 mil t) e sal (507 mil t). A carga com maior incremento na importação, em relação ao ano anterior, foi o minério de ferro, com alta de 24% (312 mil t desembarcadas em 2015, ante 251 mil t em 2014). O fluxo de navios cresceu 0,2% no semestre, totalizando 2.555 embarcações atracadas, contra 2.549 em 2014.

Balança Comercial
O Porto de Santos liderou a participação na corrente de comércio (US$ 186,4 bilhões), com 27,4% (US$ 51,0 bilhões). Nas importações respondeu por 28,0% (US$ 25,7 bilhões) de um total de US$ 92,1 bilhões e nas exportações esse percentual chegou a 26,8% (US$ 25,3 bilhões) de um total de US$ 94,3 bilhões.

Os três principais destinos das exportações foram a China, com 17,0%; Estados Unidos, com 13,5%; e Argentina, com 6,2%. Entre as principais origens das importações aparece liderando, novamente, a China, com 22,2%; seguida dos Estados Unidos, com 16,1%; e da Alemanha, com 9,3%.

 

Ler matéria completa

Vagner Liberato

Meu nome é Vagner Liberato, sou carioca e vivo no Rio de Janeiro.
Formei-me em Administração de Empresas e sou um apaixonado por conteúdo sustentável.
Desde 2015 faço o Jornal Sustentabilidade com maior prazer!

Para falar comigo, entre em contato pelo email:
contato@meioambienterio.com

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker